Lançamento

Livro conta história da colonização agrícola de Buriticupu

O livro trata de depoimentos dos primeiros colonizadores da terra.

Divulgação / UFMA

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h44

SÃO LUÍS – Ocorre, às 19h, no Auditório Central da Universidade Federal do Maranhão, em São Luís, o lançamento do livro A Colonização Agrícola de Buriticupu: a história contada por quem a viveu, do professor e médico Antônio Rafael da Silva.

O livro faz uma trajetória dos primeiros colonizadores, que se fixaram em Buriticupu em 1964 e que, segundo o professor, ficaram esquecidos em um município que prosperou. “Queria mostrar para a contemporaneidade que aquelas pessoas tiveram uma importância significativa”, afirma.

Para o professor, as doenças tropicais são exatamente o maior problema que afligia os moradores do novo projeto de colonização de Buriticupu. “Nossa equipe passou a desenvolver pesquisas, prevenções e tratamentos das doenças tropicais da região”, disse.

Antônio conta que o mestrado em Doenças Infecciosas e Parasitárias, determinou a escolha do tema. “Eu sabia que uma população que ia se fixar num lugar desconhecido desencadearia uma doença, como foi o caso da malária”, conta.

Além de estudar a história natural da malária, o professor afirma que queria contribuir com a população enquanto médico e enquanto professor da universidade, daí surgiu a ideia de escrever o livro.

O professor também afirma que Buriticupu se transformou em um campo de formação de profissionais. “Há uma gama de professores da universidade que lutam pela melhoria da saúde e pela posse da terra, aliando a ciência com a humanidade”, finaliza.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.