Críticas

Em meio a protestos contra racismo, "E o Vento Levou" é retirado de plataforma

O longa mostra donos de escravos sendo tratados como heróis.
Na Mira10/06/2020 às 09h08
Em meio a protestos contra racismo, "E o Vento Levou" é retirado de plataforma"E o Vento Levou" foi lançado em 1939 sobre e retrata a Guerra Civil americana. (Foto: reprodução)

BRASIL - Nessa terça-feira (9), o longa "E o Vento Levou", que estava disponível no HBO Max, foi retirado da plataforma devido às manifestações mundiais contra atitudes racistas. O movimento ganhou vigor nos últimos dias após a morte do americano George Floyd e se estendeu para outros países, inclusive o Brasil.

"E o Vento Levou" foi lançado em 1939 sobre e retrata a Guerra Civil americana. Ele possui uma das maiores bilheterias do cinema e já venceu oito estatuetas do Oscar, incluindo a categoria de melhor filme.

Contudo, a produção mostra figuras de escravos conformados com sua condição e proprietários de escravos sendo tratados como heróis, fato que direcionou diversas críticas ao filme.

"'E o Vento Levou' é um produto de seu tempo e contém alguns dos preconceitos étnicos e raciais que, infelizmente, têm sido comuns na sociedade americana. Estas representações racistas estavam erradas na época e estão erradas hoje, e sentimos que manter este título disponível sem uma explicação e uma denúncia dessas representações seria irresponsável", disse um porta-voz da HBO Max em comunicado.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.