Consagrados

Samuel Rosa anuncia fim da banda Skank, após 30 anos de sucesso

Anúncio foi feito por Samuel Rosa, vocalista do grupo; uma turnê comemorativa fechará as três décadas do grupo com chave de ouro.
Adriano Soares / Na Mira03/11/2019 às 10h28
Samuel Rosa anuncia fim da banda Skank, após 30 anos de sucessoSamuel Rosa, vocalista da banda Skank. (Foto: divulgação / G1)

BELO HORIZONTE – Samuel Rosa, de 53 anos, vocalista da banda Skank, anunciou o fim do grupo, após três décadas de carreira. A revelação, que pegou os fãs de surpresa, foi dada em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo.

Ainda de acordo com Samuel Rosa, essa “é uma parada sem previsão de volta”. A decisão partiu do próprio vocalista da banda. "(Chegou a hora de) Cada um olhar para si. É hora de experimentarmos, ainda que demos com os burros n´água. Quero me testar fora do Skank, me ver em um círculo de músicos fora do que sempre transitamos. Há muito ainda a descobrir”, diz Samuel.

Durante a entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Samuel Rosa declarou que muitos acreditam que a longevidade de bandas é sinal de sucesso, mas muitas vezes isso é “simplesmente uma falta de assunto”. Questionado sobre outras bandas de longas histórias, como Capital Inicial e Jota Quest, o vocalista do Skank disse que recomendaria o mesmo aos colegas. “Eu poderia ser linchado pelo outros integrantes, mas se o Dinho [Ouro Preto] e o Rogério [Flausino] estivessem na minha frente, eu sugeriria também para eles um voo solitário”, afirma.

Samuel Rosa confessou, também, que havia pensado em parar o Skank anteriormente, mas o fato de que a banda conseguia lotar apresentações foi o motivo para que a decisão fosse adiada. Para 2021, o plano de Rosa é lançar carreira solo. “No fim, a gente falou com quase três gerações de jovens. E a juventude, para mim, é necessária. O que eu vou fazer, agora, é buscar o novo compulsivamente. Eu preciso do novo”, contou.

Já na manhã deste domingo (3), em suas redes sociais oficiais, o Skank oficializou o fim do grupo. Em poucos minutos, os fãs da banda lamentaram o término do quarteto e desejou sorte nos novos projetos individuais de cada um deles, além de aguardarem ansiosos pela turnê "30 anos".

Veja o post feito no perfil oficial do Skank no Twitter:

Turnê de despedida

Para os incontáveis de fãs do Skank espalhados pelo Brasil, uma turnê prevista para 2020 vai selar o fim do grupo. O nome da turnê será "30 Anos", classificada por Samuel Rosa como a 'turnê de despedida' do grupo. "Ainda tenho pretensão de voltar a tocar com o Skank. Vislumbro isso lá na frente. Só que de uma outra forma, em outra circunstância, em algum projeto pontual”, afirma o vocalista do Skank.

Skank

O Skank nasceu, oficialmente, em 1991, em Belo Horizonte, capital das Minas Gerais. O primeiro álbum do grupo, “Skank”, foi lançado de forma independente, em 1993, mas rapidamente o sucesso da banda na cena underground despertou o interesse da poderosa Sony Music. Junto ao Skank, a multinacional inaugurou no Brasil o selo Chaos.

Então...

A banda pode até se separar, mas as boas músicas de sucesso do grupo se eternizarão e continuarão embalando a trilha sonora de muita gente. Agora é só esperar pela turnê "30 anos". Será que ela passará pelo Maranhão? Aguardemos!

Veja alguns dos principais sucessos do Skank:

Vou Deixar

É Uma Partida de Futebol

Pacato Cidadão

Garota Nacional

Sutilmente

Ainda Gosto Dela

Algo Parecido

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.