DÍVIDA

Cantor Belo tem cachê de show bloqueado pela Justiça de São Paulo

O valor bloqueado seria para quitar uma dívida de Belo sobre uma ação processual contra o ex-jogador Denilson; a ação, perdida, determinou que o cantor pagasse os honorários do advogado do apresentador de TV.
Na Mira07/10/2019 às 20h15
Cantor Belo tem cachê de show bloqueado pela Justiça de São Paulo O cantor Belo teve o cachê de um de seus shows bloqueado pela Justiça de São Paulo (Foto: Divulgação)

BRASIL - O cantor Belo teve o cachê de um de seus shows, avaliado em R$ 74,3 mil, bloqueado pela Justiça de São Paulo. O valor, segundo a justiça, teria sido para quitar os custos de uma ação processual movida contra o apresentador de TV Denilson, em 2017, o qual Belo teria perdido e tido de se responsabilizar por 10% do total da ação movida, calculada em R$ 500 mil. Passados dois anos, o cantor não pagou, a dívida aumentou e a justiça não esperou.

A ação processual um tanto salgada determinou que Belo pagasse R$ 50 mil, à época, ou seja, valor correspondente a 10% dos R$ 500 mil que custou o processo que não considerou as alegações do cantor válidas para condenar a outra parte. Na ocasião, ele havia processado o ex-jogador Denilson por acreditar que o apresentador de TV o tinha ofendido nas redes sociais. Ressalva-se: os R$ 50 mil seriam para custear os honorários de sucumbência do advogado de Denilson.

O comentário que Denilson disparou nas redes sociais, em uma postagem do cantor Thiaguinho para Belo, dizia o seguinte: “Só falta aprender a pagar quem ele [Belo] deve”. O comentário fazia referência à primeira ação judicial que envolvem os dois, do ano de 2000. Nesta época, Belo havia quebrado contrato com o ex-jogador, que era empresário da banda Soweto, na qual ele era vocalista. O marido de Gracyane Barbosa, novamente, perdeu a ação. A Justiça determinou que ele ressarcisse Denilson em R$ 5 milhões, nunca vistos pelo ex-jogador.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.