Prevenção

Dia Mundial da Voz: dicas para manter a saúde vocal

Selecionamos algumas dicas essenciais para manter a sua saúde vocal.
Imirante.com, com informações de assessoria16/04/2017 às 08h25

SÃO LUÍS - Visando alertar a população sobre a importância da voz e dos cuidados necessários para a sua preservação, no dia 16 de abril comemora-se o Dia Mundial da Voz. Produzida com o uso das cordas vocais, a voz é imprescindível na comunicação humana e, dessa forma, deve estar sempre saudável e bem cuidada. Selecionamos algumas dicas essenciais para manter a sua saúde vocal.

As normas de higiene vocal devem ser seguidas por todos, particularmente por aqueles que utilizam mais da voz ou que apresentam tendência a alterações vocais. Ingerir pouca água, consumir alimentos que contenham cafeína e gritar sem apoio respiratório são alguns fatores que afetam a saúde vocal.

Dessa forma, evite ingerir alimentos pesados, gordurosos ou muito condimentados; rir alto ou falar muito, principalmente em ambientes ruidosos e abertos; tossir ou pigarrear excessivamente; consumir álcool, cigarro ou qualquer outra droga; fazer uso de spray ou pastilhas para aliviar a dor na garganta; fazer uso de medicação sem prescrição médica.

Consequências dos abusos vocais

Dentre as alterações orgânicas observadas com mais frequência em pessoas que utilizam a voz em excesso, são encontrados nódulos vocais (nodulações semelhantes a calos) e edemas (inchaço das pregas vocais).

Quem pode tratar os problemas na voz

O fonoaudiólogo é o responsável pelo diagnóstico de possíveis problemas vocais. A partir do diagnóstico, se necessário, o fonoaudiólogo atuará juntamente com o otorrinolaringologista na correção de possíveis problemas.

Como evitar problemas na voz

Beba muita água (7 a 8 copos por dia), pois a lubrificação das pregas vocais permite que elas vibrem livremente;

Não fume. O cigarro provoca tosse, pigarro, aumento de secreção e infecções, que agridem as pregas vocais;

Não ingira bebidas alcoólicas, pois, assim como o fumo, elas agridem as pregas vocais, sobretudo as destiladas, como: cachaça, conhaque e vodca;

Evite hábitos orais inadequados: gritar, pigarrear, tossir constantemente, rir ou falar alto, para não irritar as pregas vocais;

Não sussurre, pois o esforço ao aparelho fonador para sussurrar é maior e mais desgastante do que para se falar normalmente;

Ambientes com ar-condicionado devem ser evitados, pois o aparelho causa ressecamento ao trato vocal;

Evite o uso de roupas apertadas que atrapalham a respiração, pois uma alteração na respiração leva a uma alteração vocal.

Outras dicas para melhoria da saúde vocal

Prefira uma alimentação leve e rica em fibras;

Falar seguidamente durante muito tempo pode levar a um cansaço muscular. Dessa forma, alterne períodos de fala com outras atividades;

Reduza o consumo de leite e seus derivados, pois eles tornam mais pesados a saliva e os líquidos que lubrificam as pregas vocais;

Lembre-se que essas dicas são preventivas. Caso você apresente rouquidão, soprosidade ou perda de voz há mais de duas semanas, procure um fonoaudiólogo para uma avaliação e orientação.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.