Pedido do Tribunal de Justiça

Pabllo Vittar tem contas bloqueadas pela Justiça por causa de dívida

Valor devido seria de R$140 mil, pela compra de um apartamento em Uberlândia.

Na Mira

- Atualizada em 15/09/2022 às 19h28
Cantora Pabllo Vittar teve suas contas bancárias bloqueadas a pedido do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios.
Cantora Pabllo Vittar teve suas contas bancárias bloqueadas a pedido do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios. (Foto: Reprodução)

MINAS GERAIS - A cantora Pabllo Vittar teve suas contas bancárias bloqueadas a pedido do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios. A artista está sendo processada por uma dívida no pagamento de um imóvel em Uberlândia, Minas Gerais.

O processo corre na 11ª Vara Cível de Brasília e o bloqueio foi determinado pelo juiz Ernane Fidelis Filho. Segundo documento referente à decisão, foram bloqueados "valores encontrados em depósito em contas bancárias ou fundos de investimento de titularidade do devedor, bem como o desbloqueio dos ativos indisponibilizados em excessos".

O caso foi aberto em 2018 e a compra teria sido feita em 2017, mas de acordo com a equipe da cantora Pabllo, a artista nunca foi citada no processo e só ficou sabendo da demanda quando houve o bloqueio.

"A artista Pabllo Vittar nunca foi citada neste processo, tendo tomado ciência dessa demanda somente quando houve o bloqueio judicial de sua conta corrente. Assim que tomou ciência da situação, a sua equipe jurídica tomou as devidas providencias e espera reverter essa decisão em breve, uma vez que houve completo cerceamento do direito ao devido processo legal, ampla defesa e contraditório. Trata-se de grande equívoco que espera seja revertido pela Justiça", diz nota

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.