Maria Ribeiro conta por que misturou política e separação em filme e fala sobre amizade com os ex: ''Não tenho medo de treta''

Atriz, que está no ar em ''Império'', diz que ainda acredita no amor: ''Sou aquela que quer casar e depois falar mal do casamento''
30/04/2021 às 09h30

Quando João viu a mãe sendo xingada de "noiva cadáver" pelo Twitter, ficou apavorado. Ligou no celular dela e implorou: "Pelo amor de Deus, sai daí, que tô com medo". Eram as vésperas das eleições de 2018, e Maria Ribeiro estava cercada por apoiadores de Bolsonaro numa manifestação na Avenida Paulista. Usava o vestido branco com que se casou com Caio Blat, 11 anos antes, e rodava uma cena de "Outubro", misto de documentário e ficção que dirige ao lado de Loiro Cunha e está disponível no Now. O filme registra um país dividido e faz um paralelo entre a tensão política e o fim de um casamento.

Maria foi casada com o politizado Paulo Betti (pai de João, de 18 anos). Havia se separado há pouco de Caio (com quem teve Bento, de 11), uma relação abalada por escolhas políticas individuais divergentes. Vivia a descrença no amor romântico e resolveu se libertar. Passou a dedicar mais à convivência com os amigos e namorou bastante. Assim como os ex-maridos, os ex-namorados viraram seus amigos. E também parceiros profissionais, já que a vida de Maria é uma eterna mistura entre o pessoal e o profissional.

Com Fabio Assunção, ela planeja um filme de amor usando vídeos da época que que namoraram. Com Davi Moraes, a trilha sonora de "Leonídio", documentário de Maria sobre seu pai. Outra prova de como a pessoa física e jurídica se misturam é o livro "Desromance", baseado em histórias de sua família, que escreve para a Companhia das Letras. Nele, Maria mergulha em suas origens ao revisitar casos de suicídio silenciados dentro de casa.

Na entrevista a seguir, a atriz de 45 anos, que está no ar na novela "Império" e roda a série "Desalma", conta o segredo da amizade com os exs ("é que, nesse se dar bem com ex, eu incluo não se dar também, não tenho medo de treta") e diz que segue acreditando no amor ("sou aquela que quer casar e depois falar mal do casamento").

© 2019 - Todos os direitos reservados.