Conecta Música

Alê Muniz fala do novo single, videoclipe e lançamento do sêlo Festival BR135 Records

Segundo o cantor e compositor, a música foi gravada em Atins, nos Lençóis Maranhenses, em parceria com Teo Ruiz e Estrela Leminski. filha dos poetas Paulo Leminski e Alice Ruiz. O videoclipe deve sair em breve.
Pedro Sobrinho/Jornalista 26/04/2021 às 14h50
Duo Criolina lança single Dis-Ritmia no Plugado, na Mirante FM. Foto: Divulgação (Criolina)

A inquietação do duo Criolina [leia-se Alê Muniz e Luciana Simões) ganha um novo capítulo na missão de estreitar o elo entre a cadeia produtiva musical maranhense e de outras regiões do Brasil, quiçá do mundo. Os artistas consolidam a criação do selo BR135, que chega acompanhada da faixa "DIS-RITMIA", escrita pelo Criolina e o casal paranaense Teo Ruiz e Estrela Leminski, filha do casal PAULO LEMINSKI e ALICE RUIZ.

Em entrevista ao Plugado, nesse domingo (25/4), na Mirante FM, Alê Muniz comentou sobre a música concebida em Atins, nos Lençóis Maranhenses, e o videoclipe foi gravado no bairro da Liberdade, considerado Quilombo Urbano, de São Luís. Segundo o músico, o registro audiovisual deve sair em breve.

- A proposta do selo é conectar artistas do Maranhão com produtores e artistas do Brasil. A partir dessa ideia, convidamos o casal Estrela Leminski e Téo Ruiz para compor uma música juntos com Criolina. Inevitavelmente, falamos sobre o tempo atual, caminhos, descaminhos, sentimentos, descompassos, comportamentos e sobre tudo o que esse tempo nos faz refletir e transbordar. Tempo não cabe no tempo, esse tempo que atravessa é disritmia. A música foi composta em Atins, nos lençóis maranhenses, fizemos uma pré produção em nossos home studio e posteriormente gravamos, produzimos e fizemos a mixagem com Rovilson Pascoal. Para o registro audiovisual convidamos a cineasta Thaís Lima, da Guajajara Filmes, RZK Filmes, como uma forma de valorizar o audiovisual maranhense. E escolhemos como cenário o bairro da Liberdade, um imponente Quilombo Urbano de São Luís, com moradores oriundos da Baixada Maranhense, que têm contribuído ao longo da história da cidade nos aspectos social, político, econômico e cultural - assegura.

Festival Br135 Records

O selo BR-135 que proporciona gravação de singles, com desenvolvimento de material fotográfico e registro de videoclipes, chega ao mundo com seis projetos selecionados. São eles: Afrôs, Butantan, Gugs, Regiane Araújo, The Caldo de Cana e Pantera Black. Juntos, eles são apresentados pelo selo no EP “Conecta Música”

Sob direção de Sunday James e Tássia Dur, o BR 135 levou a criatividade dos integrantes do EP para o Museu da Memória Audiovisual do Maranhão (Mavam). Espaço emblemático da cultura do Estado, o local em que os registros audiovisuais foram feitos se tornou palco de toda a pluralidade sonora da iniciativa, que dá protagonismo às cenas do rap, MPB, LGBTQIA+ e à cultura afro diaspórica.

O projeto contou com direção fotográfica de Layla Razzo e com os estúdios Black Room e Base SLZ.

Leia outras notícias em mirantefm.com. Siga, também, a Mirante FM no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook. Peça sua música por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99161-9696.

Mais notícias

© 2019 - Todos os direitos reservados.