Jornal da Mira

Secretária Esmênia Miranda anuncia volta às aulas em sistema remoto a partir de março

Durante bate-papo, a secretária disse, ainda, que a volta do sistema híbrido está prevista para agosto. Ela participou nesta quinta (21/1), da série de entrevistas no Jornal da Mira, com secretários municipais de São Luís.
Pedro Sobrinho/Jornalista 21/01/2021 às 16h04
Esmênia Miranda no Jornal da Mira. Foto: Antônio Bernardes (Antônio Bernardes)

A série de entrevistas no JORNAL DA MIRA, na Mirante FM, com os secretários municipais de São Luís recebeu nesta quinta-feira (21/1), a vice-prefeita da capital maranhense e secretária municipal de Educação, Esmênia Miranda. Em entrevista com Glaydson Botelho, a secretária informou que a previsão para o retorno das aulas na rede de ensino municipal está prevista para março deste ano, no sistema remoto, com a volta do sistema hibrido, provavelmente, a partir de agosto, seguindo os protocolos sanitários.

Esmênia disse que a equipe da Secretaria está à frente do órgão municipal, há três semanas, em processo de avaliação.

- Na verdade, nós temos orientação do Conselho Nacional de Educação. Temos também resolução do Governo do Estado orientando que o ensino seja remoto por causa da pandemia. No primeiro momento estamos conversando com outros setores, entre os quais, os sindicatos, conselho municipal de educação, para encerrar o calendário do ano letivo de 2020, previsto 21 de abril de 2021. O nosso objetivo é antecipar o término 2020 e pensar 2021 incorporando as pendências que ficaram de 2020 - explica.

Diante desta nova realidade educacional provocada pela Pandemia, a secretária garantiu que está sendo organizado o Núcleo de Tecnologia Educacionais e Inovação, juntamente com o Núcleo de Formação de Professores, para que a categoria tenha conhecimento de como lidar com toda esta tecnologia essencial para que o ensino aconteça. Ele também citou sobre a montagem o Núcleo Psicosocial, para trabalhar o lado emocional do professor que foi alvo dos diversos efeitos colaterais provocados pela pandemia.

Sobre o suporte a ser dado aos alunos da rede pública municipal na convivência com o sistema remoto, Esmênia Miranda garantiu que a secretaria vai acompanhar o conteúdo e a estratégia como o mesmo vai chegar até o aluno. "É impossível fazer ensino remoto sem computador e sem internet", reconhece.

Leia outras notícias em mirantefm.com. Siga, também, a Mirante FM no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook. Peça sua música por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99161-9696.

Mais notícias

© 2019 - Todos os direitos reservados.