Diversidade sonora

Cris Campos fala da temporada das Afrôs no Rio de Janeiro e do novo disco com participação de Rita Benneditto

A banda maranhense se apresentou na Fundição Progresso e a Áudio Rebel na Cidade Maravilhosa. O disco, que tem como título provisório Ajé, será lançado em 2020. Rita participa na faixa "Carne Crua".
Pedro Sobrinho/Jornalista 30/12/2019 às 09h11

Multifacetada e intensa. Esta é a melhor tradução para a cantora, atriz e arte educadora Cris Campos. Ela participou da última edição do Plugado 2019, na Mirante FM, na tarde desse domingo (29/12). Ela falou como concilia a arte e os estudos. Atualmente morando no Rio de Janeiro, Cris faz Mestrado em Estudo Contemporâneo das Artes, na Universidade Federal Fluminense.

- Realmente é um sistema de administração de tempo bastante delicado. Você precisa ter um cronograma de tarefas do mestrado e ter um cronograma de tarefas na carreira artística, pois em ambas as situações você precisa atuar em frentes que não é necessariamente o seu fazer. Não é só o escrever, nem no outro lado é só cantar. Têm outras tarefas que é o lugar da produção. Então, são demandas grandes. É preciso ter um exercício administrativo grande, muita firmeza, pra você conseguir desenvolver as duas coisas. Eu fui para o Rio de Janeiro para fazer o mestrado baseado em pesquisa de uma obra minha chamada "Das Águas", que apresentei em 2017, no Centro Cultural Vale Maranhão. É um espetáculo do grupo Xama Teatro, um show narrativo. Desenvolvo esta pesquisa na linha de processos artísticos na Universidade Federal Fluminense - explica.

Disco

Formada em 2007, em São Luís, a banda está gravando o novo álbum, cujo o título provisório, é “Ajé”, com previsão de lançamento para o primeiro semestre de 2020. O trabalho terá a participação da cantora Rita Benneditto, na música “Carne Crua”, de autoria de Cris Campos, que rasgou elogios a participação de Rita no trabalho.

- Rita é incrível, uma deusa encarnada neste plano terreno. No primeiro encontro dela com a banda foi muito legal, muito forte. A gente se cruzava apenas na cidade, agora encontrar com Rita com a banda e profissionalmente foi uma experiência muito linda para todos nós das Afrôs. Ela é uma força da natureza e que nos recebeu com um carinho imenso, generosidade, enfim, super acessível. Foi uma tarde ensinamento para todos nós - destaca.

A pesquisa sonora das Afrôs se conecta em ritmos percussivos do Maranhão, maracatu, coco, entre outras sonoridades contemporâneas. Em busca de trocar informações, a banda fez uma incursão no mês de novembro, no Rio de Janeiro. Cris Campos foi a articuladora para que a viagem se concretizasse com várias ações realizadas pelas integrantes da banda.

- Eu estou no Rio de Janeiro e as Afrôs continua muito forte em minha vida. Mesmo distante estava sempre pensando nas possibilidades de trazer a banda para uma incursão no Rio. Além da carreira, mestrado, resolvi a assumir esta produção, viabilizada pelas integrantes da banda, com auxílio de mais três parceiras do Rio de Janeiro empoderadas com a questão feminina. Faço parte do programa ASA - Arte Sônica Amplificada - da Oi Futuro e o British Council, em parceria com as instituições britânicas Lighthouse e Shesaid.so. O objetivo central é gerar contribuições potentes para aumentar a atuação feminina na cadeia do som e da música. Por meio de mentorias, formações e workshops, promovemos a capacitação dessas profissionais para que ampliem suas atuações e redes. Através deste programa foi viabilizada na ida das Afrôs. Fizemos uma apresentação na Fundição Progresso, as Afrôs como convidadas do projeto de forró, das quartas-feiras, do Sexteto Sucupira. O grupo se apresentou no palco da Audio Rebel, com a participação do grupo carioca Mulheres de Chico. Foram duas apresentações memóraveis. O público carioca se divertiu com a nossa sonoridade cheia de diversidade - ressalta.

A nova formação da banda maranhense Afrôs. Foto: Facebook/Divulgação

Formação atual

Além do show, foi feita o novo ensaio fotográfico da banda com a nova configuração na formação, ou seja, Cris Campos, Tieta Macau, Fernanda Pretah, Jânia Lindoso, Melannie Carolina, Hugo César e Zequinha Moura.

Leia outras notícias em mirantefm.com. Siga, também, a Mirante FM no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook. Peça sua música por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99161-9696.

Mais notícias

© 2019 - Todos os direitos reservados.