E.T,H.E.

Vinaa lança segundo disco em celebração nesta sexta-feira, em São Luís

O show de lançamento do disco "Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos", será na Concha Acústica, a partir das 18h, com as participações do Duo Criolina, Otília, DJ Jorge Choairy e a banda gaúcha Dingo Bells.
Pedro Sobrinho/Jornalista 31/10/2019 às 23h23

O cantor e compositor maranhense, Vinaa, lança o disco “Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos”, nesta sexta-feira (1º/11), a partir das 18h, na Concha Acústica Reynaldo Faray, Lagoa da Jansen, em São Luís-MA. Nesta noite, ainda acontecem os shows do duo Criolina (Alê Muniz e Luciana Simões), do Dj Jorge Choairy e da banda Dingo Bells (RS), que se apresenta pela 1ª vez no Maranhão, trazendo disco indicado em listas da Rolling Stones, Tenho Mais Discos Que Amigos e Scream & Yell, que está dentre os 100 melhores discos do ano. Ingressos estão à venda na Bilheteria Digital.

Banda gaúcha Dingo Bells participa de festa de lançamento do CD E.T.H.E. do cantor e compositor Vinaa. Foto: Vitória Proença

Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos (EHTE) está disponível em todas as plataformas digitais. E no dia 13 de novembro, a partir das 17h, Vinaa e sua banda estarão no Estúdio ShowLivre em São Paulo (SP) gravando show ao vivo e transmitindo para todo o Brasil, em ação de lançamento nacional do seu novo disco.

O show será transmitido ao vivo pelo youtube, pelo site Showlivre.com, terá transmissão de destaque nos canais TVT, Music Box, NOW e estará disponível na íntegra logo após sua exibição no youtube e nas plataformas digitais.

Zeca Baleiro faz um feat na música Cicatriz, com Vinaa no disco E.T.H.E. Foto: Divulgação

Conexão musical em E,T.H.E,

Se de um lado estão cumbia, salsa, paso doble e tango, de outro estão coco, cacuriá e tambor de crioula. O encontro entre os ritmos latinos e maranhenses, que se aproximam e se diferenciam, cria uma energia própria, envolvente e cheia de calor. É exatamente essa energia que deu origem ao disco “Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos”, novo trabalho do cantor Vinaa.

Vinaa convida seus fãs a um verdadeiro passeio por ritmos e sonoridades que ainda não havia explorado, pelas cores e emoções do povo latino. Pasión y critica sociale se conectam para dar vida a um projeto único, tanto visualmente quanto sonoramente.

Após dois anos curtindo os embalos do disco “Bordel de Amianto” e a “Glória dos Loucos por Sex Appeal” (2017), chegou a hora de conhecer de perto o novo álbum do Vinaa e fazer uma viagem pela América Latina com as músicas calientes de “Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos”.

O impacto nas redes continua. O novo disco foi apelidado de EHTE (a primeira letra de cada palavra) em suas redes sociais, e está sendo registrado desde o início do processo criativo, que já dura 8 meses, para que os fãs do artista pudessem acompanhar de perto o nascimento do novo trabalho e cada uma das etapas.

O resultado foi animador. Mesmo o artista tendo se afastado dos palcos para se dedicar exclusivamente ao trabalho de composição e criação da nova obra, as suas redes sociais alcançaram mais de 480 mil visualizações e interações nos três meses primeiros meses do segundo semestre.

Seu público cativo permaneceu cada vez mais instigado à procura das novidades sobre o “Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos”, compartilhando e curtindo postagens, e convidando amigos para conhecer o trabalho.

EHTE e o surgimento das novas cores do Vinaa. O conceito romântico e icônico apresentado no primeiro álbum do cantor (Bordel), que se materializou pelas cores frias do inesquecível collant lilás com o qual Vinaa subiu aos palcos do Brasil em sua primeira turnê, abre espaço para uma explosão de cores das terras latinas, com sangue e fervor.

Para traduzir a temperatura caliente da emoção latina em imagens, o cantor convidou a artista maranhense Ana Waleria para assinar a identidade visual do disco. Designer e escultora, Ana assina vários trabalhos em São Luís e venceu o Prêmio Eu Faço a Diferença 2018, na categoria Designer do Ano.

– É surpreendente a identidade visual que conseguimos construir juntos” – afirma Vinaa. – Eu procurei por meses um artista latino que representasse esse meu novo momento, respeitando as minhas origens, mas traduzindo as minhas perspectivas sobre a história do continente que habito. Ana é a gigante que tem essa magia -.

Elementos e Hortelã na Terra dos Eucaliptos. Quais serão os elementos, onde fica a Terra dos Eucaliptos, como tudo isso é tão latino? Você só poderá encontrar as respostas ao ouvir o disco. Mas uma dica pode ser capaz de conectar as divindades que vêm do mar, a exploração do estrangeiro, e, acima de tudo a criatividade e a força do sentir desse povo: o Mito do Sebastianismo.

Trata-se daquela lenda portuguesa em que há uma cidade soterrada nos lençóis maranhenses, que foi construída pelo rei Dom Sebastião e está protegida por um touro encantado… Essa lenda é a verve do novo álbum do cantor!

A charada pode ficar ainda mais interessante para quem conhece a contracapa do primeiro CD do Vinaa, o Bordel, e seu herói perdido no deserto à procura de uma cidade burlesca, flutuando sobre areias escaldantes.

EHTE é a explosão entre ritmos e sons, o cru e o sofisticado, o vermelho e o dourado, a exploração e a devoção, o estrangeiro e o nativo, a divindade e o humano. Apresenta ao mundo tudo o que habita no continente abaixo da linha do Equador.

– A história da América Latina foi banhada por sangue desde a colonização e segue marcada por decepções com seus pseudo-heróis políticos. Um povo criativo fluente em alta tecnologia herdade pelos maias, e antenado com o mundo, mas que segue explorado – lembra Vinaa, ao sugerir que o álbum provoca uma reflexão diferente sobre o contexto em que estamos situados.

Bem se sabe, latinidade se faz a muitas mãos. Vinaa faz muita questão de olhar cuidadosamente para cada etapa do processo criativo e pensou o conceito do disco da íntegra, mas sabe muito bem que para chegar ao melhor resultado, precisa ter ao seu lado um timaço de profissionais em cada área.

A começar pelos seus músicos (Filipe Façanha, Marcelo Falcão, Ronaldo Lisboa), com quem construiu a ideação sonora do disco durante três meses. Só então Vinaa entrou no Blackroom Estúdio com seu fiel escudeiro e produtor musical Sandoval Filho (que possui trabalhos assinados pela Sony Music) para iniciar a pré-produção do EHTE.

Elementos e Hortelã em Terras de Eucaliptos” promete também uma grande surpresa para os fãs da MPB e da música latina: a participação especial de Zeca Baleiro na canção “Cicatriz (No Regresa)”, cantando em meio aos violões espanhóis, junto com o Vinaa, versos de um amor do passado, em português e espanhol.

O disco recebeu uma grande colaboração em composição, feita pelo escritor Evaldo Ribeiro, em parceria com o Vinaa, na música “Cavalo Lendário”. Tem ainda consultoria musical do produtor carioca André Lira (que já trabalhou com Maglore), masterização do Leonardo Nakabayashi (Gilberto Gil, Ricky Martin, Elba Ramalho, Dominguinhos, Legião Urbana), acordeom de Adriano Magoo gravado no estúdio Outra Margem (SP) e violões espanhóis executados por Sandoval Filho e gravados por Rovilson Paschoal no estúdio Parede Meia (SP).

Leia outras notícias em mirantefm.com. Siga, também, a Mirante FM no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook. Peça sua música por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99161-9696.

© 2019 - Todos os direitos reservados.