Marca Feminina

Kalillah fala do seu projeto de música eletrônica e defende mais mulheres na discotecagem em São Luís

Advogada, autônoma e feminista, a DJ disse que começou em 2016, em festinhas universitárias e aniversários de amigos até ocupar espaço em grande festas que acontecem na capital maranhense.
Pedro Sobrinho/Jornalista 08/07/2019 às 10h40
A jovem DJ Kalillah no Plugado, na Mirante FM (Divulgação)

São Luís sempre teve tradição de "rolês" à base de música eletrônica. A onda cresce e absorve o universo feminino. Um bom exemplo a incursionar na cena é o da DJ Camila Ribeiro, que adotou o nome artístico de "KALILLAH', que intitula seu projeto envolvendo tech house, deep house e house, com influências da música negra.

Advogada autônoma e feminista, a DJ disse que começou em 2016, em festinhas universitárias e aniversários de amigos até ocupar espaço em grande festas que acontecem em São Luís.

- Comecei a discotecar como uma brincadeira, organizando festas com amigos, eventos universitários, aniversários em uma controladora trabalhando o básico da discotecagem. Com o tempo fiz alguns cursos de aperfeiçoamento para tocar em grandes festas. Aos poucos estou penetrando neste circuito de grandes festas na cidade. Mas, continuo estudando e aprimorando os conhecimentos cada vez mais. Kalillah é o nome do meu projeto de música eletrônica. Nele, eu toco Tech House, Deep House e House com influências do jazz, soul, R&B - complementa.

Marca feminina

Como militante das causas feministas, Kalillah disse que seu grande sonho é a presença de mais mulheres discotecando em São Luís. Para ela, o universo na cidade é predominante masculino.

- Dentro da música o meu maior objetivo é apoiar outras meninas, inspirar outras meninas a frequentar este universo que é completamente masculino, principalmente, em São Luis. Não tenho reclamar, pois fui bem recebida no universo de djs e tenho tocado em grandes festas na cidade. Não foi uma tarefa fácil. A gente enfrenta desafios, mas vale a pena. Batalhei muito pra chegar a eventos maiores. Toquei em uma festa grande com oito djs e apenas como menina. É valioso, mas sonho em ver na pista um equilíbrio de meninas e meninos tocando - alerta.

Agenda de Rolê

Kalillah faz intervenção na sexta-feira (12/7), na festa Balaio de Gato, com show de Lucas Ló feat Emanuele Paz, além da discotecagem de Pedro Sobrinho.

No último sábado (6/7) ela dividiu a pista, na egunda edição da “Together by Music” na Smithland – Calhau, com os 'deejays' Piquet, Vnco, Robflow, Davi Campos b2b Riscado e Abrantes. Ela também particiou da festa "SUNSET EDITION", com os deejays GIOC (SP) e os locais: ZNO, Murilo VSN, Neiva, Cahio, e Robflow. O rolê aconteceu no dia 22 de junho, na Smithland.

Leia outras notícias em mirantefm.com. Siga, também, a Mirante FM no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook. Peça sua música por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99161-9696.

© 2019 - Todos os direitos reservados.