Notícia

Licitação do Governo Lula é suspensa

A licitação da Secretaria de Comunicação do Governo foi barrada por suspeita de fraude

Glaydson Botelho / Jornalista

Atualizada em 11/07/2024 às 16h08
foto (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O tribunal de contas da união suspendeu uma licitação de quase 200 milhões de reais da secretaria de comunicação social da presidência da república por suspeita de fraude. A licitação é voltada à comunicação digital do Governo Lula e é considerada a maior da história para o setor. 

Na decisão, o ministro do Aroldo Cedraz avalia que os fatos são 'de extrema gravidade' e 'demandam atuação imediata da corte a fim de evitar que se concretize contratação possivelmente eivada de vício insanável'.

A licitação foi aberta ainda na gestão do ministro Paulo Pimenta, hoje na chefia da secretaria de apoio à reconstrução do rio grande do sul. Atualmente a SECOM é chefiada pelo ministro Laércio Portela.

Ao jornal o globo, o ministro refutou qualquer suspeição nos trâmites do processo e disse que as denúncias apresentadas ao tribunal são movidas por interesses políticos e econômicos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.