Abrindo o Verbo

Yglésio expõe falta de professor em escola do Alto da Esperança

A denúncia foi debatida na tribuna da Assembleia e detalhada no programa Abrindo o Verbo, da Mirante AM
Rádio Mirante AM24/08/2021 às 17h47

Em entrevista realizada na tarde desta terça-feira (24) ao programa Abrindo o Verbo, da Mirante AM, o deputado estadual Yglésio Moyses (Pros) destacou uma denúncia feita por ele na tribuna da Assembleia Legislativa sobre duas turmas do 3º ano do ensino fundamental da escola municipal UEB Odylo Costa Filho, localizada no bairro Alto da Esperança, em São Luís.

Segundo o parlamentar, os alunos estão sem professor e a metodologia utilizada pela direção da escola consiste em reaproveitar apostilas de outras turmas para que os alunos façam atividades escolares. Yglésio afirma que os pais dos alunos denunciam não receber qualquer apoio técnico e metodológico da escola e só são avisados de quando devem entregar os materiais.

“A gente tem dificuldade na maioria das nossas escolas de fazer com que os professores e os alunos consigam o básico, que é estabelecer um processo de comunicação professor-aluno”, disse.

Yglésio x Cláudio Guimarães

O deputado classificou como inimaginável o embate entre ele e o promotor Cláudio Guimarães durante o restabelecimento de acesso a uma via localizada na Praia do Olho D’Água. Yglésio afirmou ainda que Cláudio Guimarães obstruiu a via adicionando uma manilha no local.

“Se a gente contar isso em São Paulo, em uma sociedade mais organizada, se a gente contar que um promotor de justiça cavou um buraco na rua para impedir que as pessoas tivessem acesso às suas casas na praia, isso ia ser motivo de duas coisas: de horror e de piada, mas nunca da população se sentir intimidada por uma coisa dessas”

Ouça a entrevista completa, conduzida por Geraldo Castro e Rodrigo Bomfim:

Leia outras notícias em miranteam.com. Siga, também, a Mirante AM no Twitter e curta nossa página no Facebook. Fale conosco por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99142-5060.

© 2019 - Todos os direitos reservados.