Coletiva Virtual

Flávio Dino diz que UPAs vão atender pessoas com Covid-19

O governador do Maranhão prorrogou as medidas sanitárias no está até o dia 14 de junho.
Rádio Mirante AM04/06/2021 às 12h24

O governador Flávio Dino (PCdoB) disse em entrevista coletiva virtual, nesta sexta-feira (4) que a tendência de ocupação hospitalar continua em crescimento no Maranhão tanto na rede estadual como na rede privada. Ele reforçou a necessidade de ampliação da oferta do número de leitos.

Dino destacou que na Ilha de São Luís, a ocupação de leitos de UTI é de 97,77% e de leitos clínicos de 93,05%. Ele adiantou que a SES estuda a possibilidade de utilizar as UPAs como porta de entrada do coronavírus. A medida deverá ser anunciada nas próximas horas pelo secretário Carlos Lula em reunião com secretários de saúde dos 4 municípios da Ilha.

O governador destacou que o Maranhão mantém a menor taxa de mortalidade no país (1.140 por cada 100 mil habitantes), enquanto a média nacional é de 2.220 por cada 100 mil habitantes.

Segundo o governador, o Maranhão já recebeu 3,23 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 e dessas, 2,47 milhões de doses já foram distribuídas aos municípios e 1,84 milhões de doses aplicadas, mas o governador acredita que o Maranhão já tenha ultrapassado 2 milhões de doses aplicadas por isso está disponibilizando mais digitadores aos municípios (ao todo 700).

Flávio Dino destacou que 123 municípios maranhenses já aplicaram mais de 85% das vacinas recebidas. 45 municípios entre 80% e 85%. 39 municípios entre 70% e 80%. 6 municípios entre 60% e 70%. 1 município entre 50% e 60%. 2 municípios entre 40% e 50% e 1 município entre 30% e 40%.

Sobre as medidas restritivas, Flávio Dino prorrogou as medidas sanitárias no maranhão por mais 10 dias, até 14 de junho.

O governador também anunciou novos editais para apoiar o seguimento artístico no maranhão através da lei Aldir Blanc.

Leia outras notícias em miranteam.com. Siga, também, a Mirante AM no Twitter e curta nossa página no Facebook. Fale conosco por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99142-5060.

© 2019 - Todos os direitos reservados.