Abrindo o Verbo

Fábio Gentil diz que vai lutar pela vacina aos municípios do MA

O prefeito de Caxias disputa a presidência da Famem; A votação acontece na próxima quinta-feira (14)
Rádio Mirante AM12/01/2021 às 09h16

Na tarde desta terça-feira (12), o Prefeito de Caxias, Fábio Gentil, reeleito em 2020 para mais um mandato na chefia do executivo municipal, em entrevista ao programa Abrindo o Verbo, da Rádio Mirante AM, falou sobre seus compromissos para os próximos quatro anos e também da expectativa quanto à votação para presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem)

Fábio Gentil foi eleito com uma votação expressiva em Caxias, disputando com outros sete candidatos. Ele atribui o sucesso nas urnas aos seu trabalho desenvolvido na gestão passada e reforça que seu compromisso neste segundo mandato de prefeito é quebrar o paradigma da reeleição, de que o gestor abandona a cidade.

"Eu tenho o compromisso de ser melhor do que eu fui na primeira gestão, eu tenho a responsabilidade, acima de tudo de mostrar para a população que esse paradigma não vai ser verdadeiro pelo menos no que tange à Caxias", disse.

O prefeito de Caxias destacou que sua gestão foi financiada com recursos próprios, ou seja, toda verba utilizada para a realização de obras no município veio da arrecadação de impostos. Fábio aproveitou para anunciar a entrega de um shopping popular entre os meses de março e abril.

"Nós mostramos à população que os impostos municipais seriam revestidos em obras sociais e públicas. A população entendeu e hoje Caxias, graças a Deus, há um bom relacionamento entre população e prefeitura. A população paga os impostos e a prefeitura devolve em obras. E vamos entregar agora de março para abril, o grande Shopping Popular, um shopping da gente, um shopping pro camelô, um shopping para o povo. Todo recurso é recurso próprio", acrescentou.

Sobre a eleição da Famem, que acontece na próxima quinta-feira (14), Fábio Gentil garantiu que um dos seus compromissos será lutar pela vacina contra a covid-19 para os municípios menores.

"A Famem é uma instituição independente, em que ela precisa abrir portas e eu terei esse compromisso. Por exemplo, tá chegando aí a possibilidade da vacina da covid-19. Aí eu pergunto, essas prefeituras pequenas, como farão? Sempre serão os últimos quando/se sobrar poderão chegar lá. Mas a Famem fará de forma diferente, conosco na presidência, nós iremos buscar principalmente para esses municípios com o IDH menor possam a ter a facilidade de ter essa vacinação e consequentemente salvar vidas", garantiu.

Ouça a entrevista completa.

Leia outras notícias em miranteam.com. Siga, também, a Mirante AM no Twitter e curta nossa página no Facebook. Fale conosco por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99142-5060.

© 2019 - Todos os direitos reservados.