Tragédia em Rosário

Helicóptero que caiu em Rosário havia sofrido pane em 2011

Aeronave fez pouso de emergência em praia; piloto era o mesmo que morreu neste domingo (1º).
Imirante.com01/04/2018 às 20h32
Helicóptero que caiu em Rosário havia sofrido pane em 2011

ROSÁRIO - O helicóptero Robinson 44 que caiu na tarde deste domingo (1º) em Rosário, causando a morte de quatro pessoas, já passou por uma pane em outubro de 2011. Na ocasião, o helicóptero saiu de São Luís com destino a Camocim (CE), com quatro pessoas, e teve que fazer um pouso de emergência em Luís Correia (PI).

Leia mais

Quatro pessoas morrem em queda de helicóptero no interior do Maranhão

Vítimas de queda de helicóptero em Rosário são identificadas

Na pane registrada em 2011, o piloto Alfredo Oliveira Barbosa Neto, que morreu no acidente deste domingo, entrou em contato com o operador do aeroporto de Parnaíba (PI), solicitando permissão para aterrissar. Sem a autorização, Alfredo fez o pouso de emergência na Praia de Atalaia. Meia hora depois da pane, o problema foi solucionado, e o piloto seguiu viagem para Camocim.

O acidente

Quatro pessoas morreram na queda de um helicóptero Robinson R44 em uma área de matagal no povoado Nambuaçu de Cima, zona rural de Rosário, a 100km de São Luís.

De acordo com a polícia, o helicóptero saiu de Lima Campos, a 258km de São Luís, e pousaria em Paço do Lumiar. Por causa do mau tempo, a aeronave voava baixo e bateu em uma árvore. As quatro vítimas do acidente foram identificadas como Alfredo Oliveira Barbosa Neto, Rodrigo Capobiango Braga, Jonas Elói da Luz e José Kléber Luz Araújo.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.