Maranhão

Apenas 40% dos municípios dispõem de bibliotecas públicas

Dados de pesquisa feita pela UFMA mostra ausência de estrutura para formação de jovens leitores.
Imirante 16/04/2010 às 10h31

SÃO LUÍS - Uma pesquisa realizada pelo Departamento de Biblioteconomia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) em todo o Maranhão, aponta que 40% dos 217 municípios maranhenses não dispõem de bibliotecas públicas, e as já existentes se encontram em condições precárias. A pesquisa "Informação e desigualdade social" foi coordenada pela professora Maria Mary Ferreira. "A ausência de bibliotecas acaba por reforçar a situação de pobreza e desigualdade no estado. O acesso à leitura é um fator importante na aferição do Índice de Desenvolvimento Humano, inclusive", afirma a professora.

No ranking de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos Estados brasileiros, o Maranhão ocupa o penúltimo lugar, à frente apenas do Estado de Alagoas.

Na capital, São Luís, a pesquisadora constatou que 85% das escolas públicas de ensino fundamental e médio contam com bibliotecas, segundo dados da pesquisa "Diagnóstico da situação das bibliotecas escolares do Maranhão". No entanto, somente 5% têm bibliotecários, profissionais capacitados para orientar alunos e professores em suas pesquisas e leituras.

"O papel das bibliotecas escolares é, antes de tudo, consolidar o conhecimento adquirido em sala de aula e ampliar os horizontes dos alunos. Sem a orientação adequada, eles acabam prejudicados", explica. De acordo com a pesquisa, as bibliotecas escolares geralmente ficam sob a responsabilidade de professores com carga horária reduzida ou auxiliares administrativos sem qualificação para esse trabalho. Quanto ao acervo e instalações, a situação também é problemática, segundo a professora.

Com informações da Ascom/UFMA.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.