Fiscalização

Detran dá continuidade à fiscalização do IPVA

Imirante 12/06/2009 às 06h52

SÃO LUÍS - O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MA) dá continuidade às blitzen de fiscalização do IPVA em todo o Estado. Em São Luís, durante todo o fim de semana, as abordagens acontecerão simultaneamente em diversos pontos da cidade. As blitzen estão sendo realizadas em parceria com a Polícia Militar e Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) com o objetivo de reduzir a inadimplência do IPVA, que, hoje, chega a 83% na Capital.

“Neste momento, as abordagens dos condutores têm um caráter mais educativo e de orientação, e o licenciamento 2008 está sendo exigido. Posteriormente, realizaremos blitzen mais rigorosas, exigindo o exercício 2009”, avisa do diretor geral do Detran-MA, Flávio Trindade.

A entrega dos Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLVs) pelos Correios está sendo normalizada, mas o Detran-MA orienta os proprietários que pagaram o IPVA e ainda não receberam o documento, que circulem de posse do comprovante de pagamento.

De acordo com Flávio Trindade, o maior objetivo das operações é reduzir o alto índice de inadimplência do IPVA, que em São Luís chega a 83%, e no Maranhão, a 86%. “Nossa meta é zerar esse índice. Os condutores precisam ter a consciência de que regularizar o veículo é importante não só para evitar multas ou apreensão, mas para sua própria segurança”, acrescenta o diretor.

Nas operações conjuntas realizadas na semana passada, de acordo com dados da Polícia Militar, foram fiscalizados 3.139 veículos e apreendidos 27, entre automóveis e motocicletas. Também foram notificados 40 condutores de veículos.

O Detran-MA participa das blitzen com equipamentos que permitem a consulta em tempo real dos dados do veículo e do condutor, podendo encaminhar imediatamente ao pátio do órgão o veículo irregular. Quem ainda não pagou o IPVA pode regularizar a situação pagando o imposto em cota única.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.