Investigação

Duplo homicídio pode está relacionado com tráfico de drogas

Dois homens foram assassinados a tiros por um bando, em Imperatriz.
Imirante.com13/11/2017 às 10h28

IMPERTRIZ – As primeiras investigações do duplo homicídio, que aconteceu na noite desse domingo (12), no Parque Alvorada II, periferia de Imperatriz, apontam para associação ao tráfico de drogas. Dois homens, identificados como que Thiago Santos Silva e José Tamaro da Silva, ambos com 25 anos, foram executados a tiros.

De acordo com informações policiais, os dois têm passagem pela polícia por homicídio e outros crimes. Um deles, o José Tamaro, estava em liberdade provisória, inclusive usando tornozeleira eletrônica. Ele é acusado de um homicídio em Governador Edson Lobão, em setembro de 2016.

No entanto, para a polícia, eles não seriam o alvo, já que o crime foi praticado num local conhecido por se tratar de uma “boca de fumo”.

“No local (do crime) funciona uma boca de fumo muito conhecida na região. Os informes dão conta de que vários autores teriam chegado anunciando o nome de uma facção criminosa. Tudo aponta para acerto de tráfico de drogas. O dono dessa “boca de fumo” tem vários homicídios e tudo leva a crê que a ação foi apontada para ceifar a vida dele”, ressaltou o delegado regional, Eduardo Galvão.

Os crimes estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) e, de acordo com a polícia, é só uma questão de tempo para a identificação e prisão dos suspeitos. Com essas mortes, sobe para quatro o número de pessoas assassinadas em Imperatriz no mês de novembro.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.