De janeiro a novembr

PM já tirou mais de 250 armas de fogo de circulação, em Imperatriz e região

Muitas foram apreendidas durante operações e prisões de suspeitos de crimes.
João Rodrigues/ Imirante Imperatriz18/11/2016 às 19h10

IMPERATRIZ – Mais de 250 armas de fogo já foram apreendidas pela Polícia Militar este ano em Imperatriz e municípios da Região Tocantina. A PM alerta para o aumento o aumento das armas de fogo de fabricação caseira ou simulacros de arma de fogo.

O comandante do 14º Batalhão da PM, o major Jonilson Diniz informou que de janeiro até agora já apreendeu 130 armas em Imperatriz, João Lisboa, Senador La Rocque, Buritirana, Amarante do Maranhão e Davinópolis, municípios que integram a área de abrangência da unidade militar.

“Essas armas são aprendidas em operações, abordagens e com indivíduos presos”, acrescentou o oficial. Pelas estimativas do oficial, por mês, são apreendias, em média, 15 armas de fogo.

Apesar disso, o oficial reconheceu que, ainda, existem muitas armas nas mãos de bandidos, que vêm mudando de estratégia, com o emprego de armas de brinquedo.

“Eles costumam assaltar com simulacro e com arma de pressão. A arma de pressão tem na ponta do cano um anel de cor laranja, mas eles retiram justamente para que não se perceba que é uma arma de brinquedo”, detalhou o comandante que orientou as vítimas não reagirem a assalto sob nenhuma hipótese.

Durante ações de rotina e operações, o 3º Batalhão da PM já apreendeu este ano 125 armas de fogo, o que juntadas as cerca de 130 do 14º BPM, somam 255 armas tiradas de circulação.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.