Apreensão

Exército apreende 4 mil munições irregulares em loja de ITZ

O proprietário da loja é credenciado, mas não apresentou documentos que comprovam a origem dos produtos.
Diana Cardoso/Imirante Imperatriz18/02/2014 às 19h10

IMPERATRIZ – A equipe de Secção e Fiscalização de Produtos Controlados (SFPS), do 50º Batalhão de Infantaria de Selva (50º BIS), apreendeu na tarde desta quarta-feira (18), aproximadamente, 4 mil munições de diversos calibres, a maioria para caça e pesca, numa loja no centro de Imperatriz.

De acordo com informações do capitão Lourenço, chefe do Departamento no 50º BIS, o proprietário da loja era credenciado, porém faltavam algumas exigências como o documento que comprovasse a origem dos produtos vendidos.

“Em fiscalização rotineira realizada pelo departamento, constatamos que o proprietário não tinha o documento que apontasse a origem das munições. Um processo administrativo será aberto para apurar a situação, e de acordo com o parecer do comando superior em Belém, o vendedor será penalizado”, disse o militar do Exército.

O capitão Lourenço informou, ainda que, se comprovada a irregularidade, o comerciante será multado e prederá o certificado de registro.

Em Imperatriz, existem, em média, sete lojas cadastradas no SFPS para revender munições na região. O departamento do 50º BIS é responsável para atuar, em aproximadamente, 12 municípios que abrangem os Estados do Maranhão, Pará e Tocantins.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.