A 19 anos de prisão

Acusados de matar mulher são condenados na cidade de Turiaçu

Ozinéia Ferreira foi morta a golpes de faca, por causa de R$ 50.
Divulgação/CGJ-MA27/07/2017 às 15h53

TURIAÇU - A juíza Urbanete de Angiolis Silva, titular da Comarca de Turiaçu, realizou na quarta-feira (26) uma sessão do tribunal do júri, tendo como réus Ailton dos Santos e Basílio Neto. Eles estavam sendo acusados da morte de Ozinéia Ferreira da Silva. Os dois foram considerados culpados e receberam a pena de 19 anos de reclusão, cada um.

Consta no inquérito policial que no dia 22 de março de 2014, policiais encontraram, em uma casa abandonada no bairro Castanhal, o corpo de Ozinéia Ferreira, já em estado de putrefação e com diversas perfurações pelo corpo. Testemunhas afirmaram que Ozinéia foi vista pela última vez na companhia dos dois acusados.

Após diligências, Basílio Neto foi encontrado bebendo em um bar no bairro Castanhal sendo conduzido para prestar depoimento na delegacia. O outro acusado, Ailton, foi encontrado pescando, também levado à delegacia.

Quando interrogado, Ailton confessou que ele e Basílio tiraram a vida de Ozinéia na casa abandonada. Basílio Neto teria estrangulado a mulher, enquanto Ailton teria aplicado os golpes de faca. Os dois já se relacionaram com a vítima e o motivo seria o fato de que eles teriam dado a ela 50 reais para comprar drogas, e ela teria voltado sem a droga e sem o dinheiro. No interrogatório, Basílio Neto não disse nada, apenas Ailton.

Os dois estão presos desde 2014 e deverão cumprir, ainda 15 anos e sete meses de reclusão, em regime fechado inicialmente. A sessão do tribunal do júri ocorreu na Escola Municipal Ieda Viana Ribeiro. Atuaram, além da juíza, o promotor de Justiça Thiago Lima e os dativos Henrique Moreira Filho e João José da Silva.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.