Em Guimarães

Polícia prende sete suspeitos de integrar facção criminosa no Maranhão

Segundo a polícia, os presos são investigados por homicídio, tentativa de homicídio e associação criminosa.
Imirante.com, com informações da SSP-MA17/02/2021 às 18h19

GUIMARÃES - Uma operação realizada, nesta quarta-feira (17), pelas polícias Civil e Militar, cumpriu sete mandados de prisão preventiva contra investigados por homicídio, tentativa de homicídio e associação criminosa no município de Guimarães, interior do Estado.

A Operação contou com o apoio de vinte Policiais Civis e Militares. Equipes da 21ª Delegacia Regional de Cururupu, 1º Distrito Policial de Cururupu, Delegacias de Mirinzal, Guimarães, e de Bacuri; sendo os PMs, da 2ª CIPM de Mirinzal.

Na ação, foram realizadas quatro prisões em desfavor de investigados pela prática dos crimes de homicídio, tentativa de homicídio e associação criminosa, praticados no dia 26 de novembro de 2020, no município de Guimarães. Ainda de acordo com a polícia, outros três mandados foram cumpridos em desfavor de alvos já custodiados na Unidade Prisional de Ressocialização de Pinheiro.

Conforme a Polícia Civil, os investigados compõem uma célula de uma facção criminosa atuante em todo o Estado do Maranhão.

Os mandados foram em desfavor de: D.C.D, vulgo “JHONY”; I.L.R, vulgo “BUMBA”; J.C.L, vulgo “JACARÉ”; I.L.R, vulgo “PÉ”; G..C.C, vulgo “CABRAL”; S.C.S; vulgo “SAVIO” e D.B.L, vulgo “NAEL”. O indivíduo D.C.D, vulgo JHONY, foi encontrado com uma grande quantidade de entorpecente, razão pela qual foi autuado em flagrante pelo crime de Tráfico de Drogas.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.