De virada

Sampaio Corrêa pressiona e vira pra cima do Vitória no Castelão

Com o resultado, a Bolívia Querida chegou aos 31 pontos e entrou no G-4 da Série B.
Imirante Esporte, com informações do Sampaio Corrêa08/11/2020 às 18h08
Sampaio Corrêa pressiona e vira pra cima do Vitória no CastelãoAgora, a Bolívia aguarda o desfecho da rodada com o jogo entre CRB e Juventude para saber se permanece na quarta colocação. ( Foto: Lucas Almeida / Sampaio Corrêa)

SÃO LUÍS - O Sampaio Corrêa venceu de virada, na tarde deste domingo (8), o Vitória por 2 a 1. O duelo aconteceu no Estádio Castelão. Com o resultado, a Bolívia Querida chegou aos 31 pontos e entrou no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro.

A equipe baiana saiu na frente aos 14 minutos do primeiro tempo. No entanto, a Bolívia Querida pressionou no segundo tempo e conseguiu a virada pelos pés de Caio Dantas, de pênalti, e Robson Duarte, com um golaço no ângulo.

Agora, a Bolívia aguarda o desfecho da rodada com o jogo entre CRB e Juventude para saber se permanece na quarta colocação, já que a equipe Gaúcha tem os mesmos 31 pontos do Sampaio.

O Jogo

A partida começou estudada, sem muitos avanços ofensivos, mas de bastante luta no meio de campo. O Sampaio tentava forçar a entrada na área do Vitória, sem conseguir furar a defensiva rubro-negra.

A partida seguia equilibrada, até o jogador do Vitória arriscar um chute de fora da área para abrir o marcador, aos 14 minutos do primeiro tempo.

Em desvantagem, o Tricolor passou a utilizar as pontas para tentar a igualdade. Após cobrança de falta na lateral, Joécio pegou de primeira e o goleiro baiano defendeu a batida à queima-roupa. Uma defesa que salvou o Vitória.

A equipe rubro-negra tinha no chute de fora da área uma arma, e era assim que tentava se aproveitar em campo, mas foi o Sampaio que quase empata com um disparo de longe, com André Luiz, que obrigou o goleiro a defender em dois tempos e mandar para escanteio.

Apesar da insistência boliviana, o placar não foi mais movimentado no primeiro tempo.

O Sampaio voltou com alta intensidade, disposto a empatar logo o confronto. Luís Gustavo tramou pela direita com Marcinho, que chapou de pé esquerdo e a bola passou rente à trave.

Aos 12 minutos, a pressão surtiu efeito. Luís Gustavo foi puxado dentro da área e a arbitragem assinalou o pênalti. Caio Dantas não perdoou e deixou tudo igual no Castelão.

O empate não conformou o Sampaio, que seguiu pressionando o Vitória e o segundo gol não saiu porque o goleiro baiano operou o milagre nos pés de Robson Duarte.

O lance não arrefeceu o ânimo Tricolor, que encurralava o adversário em busca do gol da vitória. Luís Gustavo lançou Robson Duarte na ponta direita, o atacante puxou pra dentro e acertou no ângulo, virando a partida aos 40 minutos.

O gol deixou o Vitória com a necessidade de abrir completamente a guarda para tentar empatar, mas a marcação do Sampaio redobrou em campo, até o apito final. Vitória na raça, que colocou o Time do Povo no G4 da Série B, até o desfecho da partida entre CRB e Juventude.

A próxima missão do Sampaio Corrêa na Série B será diante do Juventude, no sábado (14), no Estádio Alfredo Jaconi, às 19h. A partida vale pela 21ª rodada da Série B.

Ficha Tricolor

Gustavo, Luís Gustavo (Joazi), Joécio, Daniel Felipe e Marlon; André Luiz, Vinícius Kiss e Marcinho; Gustavo Ramos (Roney), Robson Duarte e Caio Dantas (Jackson).

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.