Futebol

Juventus perde de virada para a Udinese e adia título do Italiano

Mesmo com tropeço, time de Cristiano Ronaldo pode ser campeão antes do próximo domingo.
Mauricio Costa / Agência Brasil24/07/2020 às 00h12
Juventus perde de virada para a Udinese e adia título do ItalianoLance da partida entre Udinese e Juventus. (Divulgação / Juventus FC)

UDINE (ITÁLIA) - A festa foi adiada. Precisando de uma vitória simples para conquistar o nono título italiano consecutivo, a Juventus perdeu, de virada, para a Udinese por 2 a 1 com uma atuação muito abaixo do esperado. Com o resultado, a equipe de Cristiano Ronaldo - CR7 - permanece com 80 pontos e, faltando três rodadas para o término do Campeonato Italiano, possui uma vantagem de seis pontos para o segundo colocado, o Atalanta.

Pode parecer impossível a Velha Senhora não confirmar o título nos próximos três jogos, porém a atuação desta quinta-feira (23) ligou o alerta para a equipe de Turim. Em ritmo lento desde o apito inicial do juiz, a líder do italiano parecia acreditar que poderia vencer a qualquer momento.

Lutando para confirmar a permanência na primeira divisão, a Udinese preferiu ficar na defesa. Bem organizada, a dona da casa dava poucas chances à Juventus, chegava com perigo em contra-ataques. CR7 e Dybala até tentaram surpreender, mas pararam nas mãos do goleiro Musso.

O gol da Juventus veio no fim da primeira etapa. Aos 42 minutos, De Ligt pegou rebote de um cruzamento, dominou e, de fora da área, acertou um belo chute no canto direito do goleiro. Era o gol que garantia o título.

Se no primeiro tempo o ritmo da Juventus era lento, no segundo, com a vitória parcial, o jogo passou a ser de um time só. Bem mais organizada e com fome de vitória, a Udinese começou a incomodar bastante, principalmente em jogadas pelas laterais, nas costas dos brasileiros Danilo e Alex Sandro.

Logo aos 6 minutos Sema cruzou pela direita para Nestorovski, sozinho, completar de cabeça. Mesmo com o empate, a Juventus não acordou. O técnico Maurizio Sarri colocou Douglas Costa, Matuidi e Cuadrado para tentar animar a equipe, mas não funcionou.

Sem organização e inspiração, a Juventus nem chegou perto de fazer o segundo gol, e ainda sofreu um castigo em forma de golaço. Aos 46 minutos do segundo tempo, Fofana ganhou no campo de defesa, avançou, driblou De Ligt e tocou na saída de Szczesny para fechar o placar.

A Juventus pode garantir o título mesmo antes de entrar em campo contra a Sampdoria, no próximo domingo (26), às 16h45min (horário de Brasília), em Turim. Para a equipe de Cristiano Ronaldo levantar a nona taça consecutiva antes de domingo (26), o Atalanta precisa perder para o Milan amanhã (24), a Inter de Milão não pode vencer o Genoa, no sábado (25) e a Lazio precisa empatar pelo menos um de seus dois próximos jogos: o desta sexta-feira (24) contra contra o Cagliari, e o duelo de domingo, às 14h30min, contra o Verona.

Para não fazer conta alguma, o certo é a Juventus entrar em campo e derrotar a Sampdoria para comemorar o eneacampeonato italiano.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.