Especulações

Jornal afirma que Barcelona quer ter Ronaldinho como embaixador do clube

Ainda segundo jornal, o jogador já se reuniu com o presidente Josep Maria Bartolomeu.
Gazeta Esportiva21/01/2017 às 11h45

SÃO PAULO - Em avançadas negociações com o Coritiba para voltar aos gramados, Ronaldinho também pode estar perto de voltar para uma equipe em que ele é lenda, o Barcelona. Segundo o jornal da Mundo Deportivo, os catalães desejam ter o jogador como novo reforço do Barça Legends, equipe de craques que marcaram a história da camisa blaugrana que viaja pelo mundo divulgando a marca Barcelona.

Além da posição no time de lendas, que também conta com o brasileiro Rivaldo, o Barça gostaria de ter Ronaldinho como um de seus embaixadores mundiais. Ainda segundo o jornal catalão, o jogador já se reuniu com o presidente Josep Maria Bartolomeu alguns meses atrás para falar sobre a proposta e que um futuro encontro deve resolver a situação.

Nesta quarta-feira, o vice-presidente do Coritiba, José Fernando Macedo, confirmou que a equipe está em negociações com o camisa 10. A equipe paranaense conversou com o irmão e empresário do craque, Assis, e agora espera uma contraproposta do representante.

Caso feche com o Coxa, Ronaldinho terá uma nova volta ao futebol brasileiro. Agora aos 36 anos, Ronaldinho chegou ao Fluminense em 2015, mas disputou apenas 9 jogos. Na última temporada, o jogador disputou partidas amistosas pelo Barcelona de Guayaquil (Equador) e Cienciano (Peru).

Sua última atuação em uma boa equipe foi no Atlético-MG. Entre 2012 e 2014, o camisa 10 liderou o Galo ao título inédito da Copa Libertadores da América em 2013. Com a camisa alvinegra, ainda venceu a Recopa Sul-Americana em 2014 e o Campeonato Mineiro de 2013.

Ronaldinho foi o grande responsável, entre 2003 e 2008, por recolocar o Barcelona no topo do cenário mundial. O jogador foi campeão duas vezes do Campeonato Espanhol e uma da Liga dos Campeões, iniciando um novo período na história do clube.

Grande expoente da equipe de Frank Rjikaard, o brasileiro “passou seu bastão” para um ainda jovem e inexperiente Lionel Messi. O craque conseguiu feitos inimagináveis com a camisa blaugrana, como ser aplaudido de pé por toda a torcida do Real Madrid em pleno Santiago Bernabéu após mais uma de suas noites mágicas. Defendendo o clube, Ronaldinho foi eleito o melhor jogador do mundo duas vezes seguidas, em 2004 e 2005.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.