Saltos ornamentais

Brasil fica sem medalha no Grand Prix de Saltos Ornamentais

César Castro foi o responsável pelo melhor resultado na competição.
Gazeta Esportiva23/02/2015 às 17h39

ROSTOK - O Brasil não conseguiu trazer medalhas da primeira etapa do Grand Prix de Saltos Ornamentais, em Rostock, na Alemanha. No último domingo, Hugo Parisi encerrou a participação brasileira na plataforma, mas com 289,80 pontos somados, na fase classificatória, ficou apenas no 18º lugar.

César Castro foi o responsável pelo melhor resultado na competição. Ele levou o Brasil à semifinal do trampolim dos três metros, na última sexta-feira.

O brasiliense somou 402,02 pontos na semifinal 2, terminando com a quarta posição da prova, mas obteve nota maior que o terceiro colocado da semifinal 1.Com o resultado, César terminou com o sétimo posto da classificação geral e fora da decisão. Na mesma prova, Ian Matos ficou com a 19ª colocação.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.