Vôlei

MV encerra temporada com vitória sobre o Praia Clube

Em um jogo acirrado, o time maranhense levou a melhor no Castelinho.
Gustavo Arruda / Imirante.com14/03/2015 às 01h00

SÃO LUÍS – Na teoria, o Maranhão Vôlei teria apenas que cumprir tabela na noite desta sexta-feira (13), pela última rodada da primeira fase da Superliga Feminina, já que não garantiu vaga nos playoffs e ainda não confirmou a permanência na elite do vôlei nacional. A teoria, porém, não era prática: em sua segunda temporada, o time maranhense fez a melhor campanha de sua história e queria retribuir o carinho da torcida, que foi fundamental para isso. Diante de um Praia Clube já garantido na próxima fase, o time maranhense mostrou raça, venceu por 3 sets a 2 (25/19, 25/22, 19/25, 19/25 e 15/10) e fez a festa da torcida no Ginásio Castelinho.

Quatro atletas do Maranhão Vôlei encerraram a partida com 10 pontos ou mais, com destaque para a atuação de Perê, que anotou 17 pontos. Larissa (14 pontos), Priscila (13 pontos) e Talita (11 pontos) também foram bem na pontuação. Pelo time mineiro, Tandara fez 23 pontos e Ju Costa encerrou o jogo com 20 pontos.

O Maranhão Vôlei encerrou a sua segunda temporada na Superliga Feminina com 19 pontos e seis vitórias em 24 partidas disputadas, terminando a fase de classificação na 11ª colocação. Em 2013/2014, o MV teve dois jogos a mais, mas venceu um jogo a menos, com uma campanha de apenas 12 pontos e na última posição. O Praia Clube, quarto colocado, terminou a primeira fase com os mesmos 49 pontos do Minas, mas está uma posição acima por ter um sets average (divisão dos sets vencidos pelos perdidos) maior que o do rival, o que lhe dá o mando de quadra no duelo entre as duas equipes, nas quartas de final.

O jogo

O primeiro set foi marcado pela disputa entre Perê, do Maranhão Vôlei, e Tandara, do Praia Clube. Com precisão nos ataques e fortes bloqueios, cada uma anotou sete pontos. Apesar do equilíbrio entre as pontuadoras, o Maranhão Vôlei mostrou mais eficiência no saque e aproveitou os erros do Praia para vencer por 25 a 19.

Logo em seguida, o Maranhão Vôlei teve uma das melhores atuações em um set na Superliga. Sem cometer nenhum erro no ataque, com Priscila pontuando bem e Adri impecável nos bloqueios, o time maranhense encaminhou a vitória no set. Tandara, com 10 pontos, sendo três deles em saques, tentou colocar o Praia Clube no jogo, mas a regularidade do MV falou mais alto: 25 a 22.

Com as duas mãos na vitória, o MA Vôlei caiu de produção e viu o Praia Clube reagir. Embalada pelos seis pontos no set anterior, Ju Costa repetiu a dose no terceiro set e comandou a reação da equipe mineira, que se destacou nos saques. Priscila até fez a sua parte, com quatro pontos, mas o MV não conseguiu impedir a vitória do Praia, por 25 a 19.

A vitória deu ânimo ao Praia Clube, que manteve o ritmo e não demorou a buscar a reação, com destaque para as exibições de Tandara, Ramirez e Ju Costa, que marcaram 12 pontos. Mesmo com um bom aproveitamento nos saques, o Maranhão Vôlei permitiu que as adversárias empatassem o confronto, com a vitória por 25 a 19 no quarto set.

Na expectativa de conquistar a virada, já que ainda estava no ritmo das vitórias nos dois últimos sets, o Praia Clube mostrou ansiedade e cometeu muitos erros. Natasha fez três pontos e tentou colocar o time mineiro no jogo, mas Perê anotou quatro pontos e liderou a vitória da equipe maranhense: 15 a 10.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.