Surfe

Definidos os vencedores da 2ª etapa do Circuito Maranhense de Surfe

Disputas foram realizadas na praia do Olho d''Água.

Imirante Esporte, com informações da Assessoria

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h55
Etapa do Circuito Maranhense premiou vencedores em quatro categorias.
Etapa do Circuito Maranhense premiou vencedores em quatro categorias. (Divulgação)

SÃO LUÍS - Nas clássicas ondas da praia do Olho d'Água, a Federação Maranhense de Surfe (Femasurf) coroou os vencedores da 2ª Etapa do Circuito Maranhense. A competição aconteceu no último fim de semana, no sábado (4) e domingo (5), no tradicional pico de surfe em frente ao Bar do Nonato. Surfistas de todas as idades disputaram o pódio nas categorias: Iniciante, Open, Master (35 anos, 1985 em diante) e Kahuna (45 anos, 1975 em diante).

Durante todo o sábado (4), os surfistas encararam as diversas baterias. As finais foram realizadas na manhã de domingo (5), todas com quatro surfistas disputando o título em cada categoria.

E, mais uma vez, as ondas da praia do Olho d´Água não decepcionaram. A presença do vento terral com um swell forte (ondulação) proporcionaram uma boa formação das ondas, acirrando ainda mais as disputas.

Os atletas da categoria Open foram os primeiros a entrar no mar. Eles se deparam com ondas quebrando para os dois lados. O alto nível dos atletas elevou as disputas, proporcionando um show de surfe, que atraiu vários curiosos para apreciar o espetáculo na beira do mar. O atleta Flávio Marão, surfista local da Praia do Olho d´Àgua, encontrou boas ondas e conseguiu encaixar manobras modernas com direito a aéreos e batidas fortes de backside.

Flávio foi campeão da categoria Open. Completando o pódio, o 2º lugar ficou com o surfista Júlio César, da Praia do Caolho, seguido pelos surfistas Gleyson Lopes (3º lugar) e Amauri Oliveira (4º lugar).

Na categoria Máster, mais uma bateria com muita pressão. E o destaque novamente foi para Flávio Marão, que levantou mais um troféu de campeão. Amauri Oliveira garantiu o vice-campeonato, seguido de Luís Mendes e Kell Nunes.

Eduardo Lobato também mostrou que, com boas condições, de ondas realmente fica difícil vencer os surfistas locais. Ele surfou bem, escolheu boas ondas e garantiu o troféu de campeão, na categoria Kahuna. Completando o pódio nessa categoria, Júnior Curió ficou em 2º lugar, seguido por Sergio Coutinho e Paulo Encarnação.

A categoria Iniciante teve como campeão o jovem surfista Kadu Pakinha. Atleta de 13 anos, que vem investindo forte e viajando para campeonatos em todo o Nordeste, consolidou ainda mais seu surfe de competição. Completando o pódio, o 2º lugar ficou com Raony Oliveira, seguido de João Guilherme e Geraldo Filho.

Após o show de surfe, a diretoria da FEMASURF concluiu que fica o sentimento de dever cumprido e gratidão a todos que contribuíram para o evento.

“Fica a nossa gratidão a todos que contribuíram para que o sucesso do evento fosse alcançado, além de agradecer e parabenizar aos competidores que fazem o surfe maranhense. Fechamos nosso calendário de 2021 já pensando em grandes ações para o ano que vem”, destaca Gleydson Serafim, diretor de marketing da Femasurf.

Resultado Final - Segunda etapa do Circuito Maranhense de Surfe

Categoria Iniciante

Campeão: Kadu Pakinha
Vice- Campeão: Raony Oliveira
3º - João Guilherme
4º - Geraldo Filho

Categoria Kahuna

Campeão: Eduardo Lobato
Vice-campeão: Junior Curió
3º - Sérgio Coutinho
4º - Paulo Encarnação

Categoria Master

Campeão: Flávio Marão
Vice-campeão: Amauri Oliveira
3º - Luis Mendes
4º- Kell Nunes

Categoria Open

Campeão: Flávio Marão
Vice-campeão: Julio César
3º - Gleyson Lopes
4º - Amauri Oliveira

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.