Futebol feminino

Brasileiro Feminino: sorteio define duelos pelas oitavas da Série A2

Dezesseis times seguem na briga por quatro vagas na primeira divisão.
Agência Brasil13/11/2020 às 22h25
Brasileiro Feminino: sorteio define duelos pelas oitavas da Série A2As partidas de ida e volta serão disputadas entre os próximos dias 22 e 28. ( Foto: Mailson Santana / Fluminense)

BRASIL - Dezesseis times continuam na briga por quatro vagas na elite do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino em 2021. Nesta sexta-feira (13), foram sorteados os confrontos das oitavas de final da Série A2 (segunda divisão). As partidas de ida e volta serão disputadas entre os próximos dias 22 e 28, em datas e horários que serão definidos pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Avançaram à segunda fase os dois times mais bem posicionados de cada um dos seis grupos e os quatro melhores terceiros colocados. Apenas três equipes se classificaram com 100% de aproveitamento: 3B da Amazônia, Bahia e Napoli-SC, líderes das chaves B, C e F, respectivamente. Pela ordem, esses clubes pegam: Real Brasília (2º do Grupo E), Athletico-PR (2º do Grupo F) e Real Desportivo-RO (3º do Grupo B).

Melhor do Grupo E, o Botafogo tem como adversário o Foz Cataratas, terceiro colocado do Grupo D. Já o Fluminense avançou na terceira posição do Grupo F e duela com o Fortaleza, vice-líder do Grupo B. O Ceará também se classificou: foi o primeiro no Grupo A e pega o Sport, segundo do Grupo C. Ainda pela chave A, Tiradentes-PI e Esmac-PA passaram na cola do Ceará. As piauienses terão pela frente o América-MG, vice-líder do Grupo D, enquanto as paraenses encaram o Juventus-SP, que ficou à frente das mineiras na mesma chave.

Em 2019, o título da Série A2 ficou com o São Paulo, que superou o Cruzeiro na final. Além deles, também subiram à Série A1 (primeira divisão) Grêmio e Palmeiras. No ano que vem, a divisão de acesso receberá Iranduba, Audax, Ponte Preta e Vitória, rebaixados da elite.

Goleadas e adeus de Vasco e Galo

A fase de grupos chegou ao fim nesta sexta-feira. Destaques às goleadas de Ceará (11 a 1) e Fortaleza (10 a 0) sobre, respectivamente, Santos Dumont-SE e Atlético-AC. Vozão e Leão do Pici, porém, entraram em campo já garantidos no mata-mata nos grupos A e B, enquanto os rivais não tinham mais chances de classificação e se despediram da competição.

O Grupo E foi o que reservou mais emoção, com quatro times brigando por duas (ou até três) vagas. Em confronto direto, o Atlético-MG venceu o Goiás (que nutria uma pequena chance de classificação) por 4 a 0 e dependeria de uma combinação de resultados para avançar. Só que nenhum deu certo. No duelo entre Real Brasília e Vasco, o ideal às mineiras era um empate. Mas as brasilienses superaram as vascaínas por 3 a 0, garantindo a vaga com o segundo lugar da chave (nove pontos) e eliminando o time cruzmaltino.

Um tropeço do Botafogo seria suficiente ao Galo. O Glorioso chegou a estar perdendo por 3 a 1 para o eliminado Vila Nova-ES, mas conseguiu a virada. A vitória por 4 a 3 classificou as alvinegras do Rio de Janeiro como líderes da chave, com 10 pontos. Dois pontos atrás, o Atlético-MG só poderia avançar, então, como um dos melhores terceiros. Mas os triunfos de Athletico-PR (5 a 2 na Chapecoense) e Fluminense (3 a 0 no Brasil de Farroupilha-RS) no Grupo F e do Foz Cataratas (5 a 0 no Chapadão-MS) no Grupo D limaram as chances.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.