Futebol

Após ano de adaptação, Abner projeta 2020 melhor pelo Athletico

Lateral-esquerdo foi contratado pelo Furacão após passagem pela Ponte Preta.
Imirante Esporte, com informações do Athletico Paranaense15/12/2019 às 19h43
Após ano de adaptação, Abner projeta 2020 melhor pelo AthleticoAbner, lateral-esquerdo do Athletico. (Miguel Locatelli / Athletico Paranaense)

CURITIBA - Há aproximadamente seis meses, mais precisamente no dia 19 de julho [sexta-feira], um jovem de 19 anos desembarcava no CAT Alfredo Gottardi para iniciar a trajetória no Athletico.

O garoto chegou depois que o Rubro-Negro pagou a sua multa rescisória junto à Ponte Preta. Ainda tímido, Abner Vinícius terminou a temporada com oito partidas, todas elas pelo Campeonato Brasileiro.

O lateral-esquerdo admite que ainda não apresentou em campo todo o seu talento. Mas garante que os quase seis meses no CAT do Caju serviram como aprendizado e adaptação para o que vem pela frente.

“A estrutura do Athletico é muito boa. Então, foi um período de adaptação. A ideia de jogo mudou muito em relação a que eu estava acostumado”, contou. “Agora, estou mais adaptado e pronto para mostrar tudo o que eu sei dentro das quatro linhas”, acrescentou.

Ciente do alto investimento feito pelo Furacão, o jogador fez um contrato de cinco temporadas, e quer mostrar o mais rápido possível que a contratação foi certeira.

“Sempre quero demonstrar o meu talento, mas tudo vai ter o seu tempo. Com o tempo, também vou conseguir demonstrar aquilo que eu sei. E como disse na minha chegada, tenho que mostrar o meu talento dentro de campo, porque só assim vou provar que o investimento foi certo”, disse.

Ao longo do ano, foram 549 minutos em campo e uma assistência. No empate contra o Vasco da Gama, em 1 a 1, em São Januário, o camisa 16 cobrou falta na cabeça de Madson. “Acho que aproveitei bem as oportunidades, mas não foi tudo o que eu desejava e o que posso demonstrar”, ressaltou.

Adaptado, mais maduro e com “fome” de mostrar todo o seu talento, Abner Vinícius se empolga com o que 2020 reserva para ele e para o Furacão, com a disputa da Conmebol Libertadores e da Supercopa do Brasil.

“Espero um 2020 cheio de títulos, porque eu quero marcar o meu nome na história do Athletico. Que seja um ano de alegrias para o torcedor também”, concluiu.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.