Campeonato Brasileiro

Adilson Batista chega ao Cruzeiro e confia em fuga do rebaixamento

Equipe mineira está em situação delicada no Campeonato Brasileiro.
Imirante Esporte, com informações do Cruzeiro EC29/11/2019 às 20h58
Adilson Batista chega ao Cruzeiro e confia em fuga do rebaixamentoAdilson Batista, técnico do Cruzeiro. (Vinnicius Silva / Cruzeiro EC)

BELO HORIZONTE - Depois de uma brilhante passagem pelo Clube de 2008 a 2010, o técnico Adilson Batista está de volta ao Cruzeiro. O treinador foi apresentado na tarde desta sexta-feira, na Toca da Raposa 2. O presidente do Cruzeiro Wagner Pires de Sá e o Gestor de Futebol Zezé Perrella deram as boas-vindas ao profissional.

Adilson não escondeu a emoção sobre o seu retorno ao Cruzeiro. O treinador lembrou de seus tempos como zagueiro quando conquistou a Supercopa da Libertadores e da primeira passagem como treinador, conquistando o bicampeonato mineiro.

“É um prazer voltar a instituição tão amada, que tenho carinho, que deixei suor como atleta. É um desafio, sei do grau de dificuldade, me fez lembrar muito quando seu Verardi, diretor do Grêmio, me ligou em 2003. Prontamente atendi aquele pedido, cheguei a Porto Alegre sem saber quanto ia receber. Recebi o contato e fiz questão de ligar por Abel. Tem clubes que você tem de atender e o Cruzeiro é um deles. Então, me sinto melhor preparado que há nove anos, mais tranquilo, melhor gestor, com conceitos melhores”, disse o novo técnico celeste.

O treinador falou sobre o grupo de jogadores e do momento atual do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. Adilson Batista aproveitou o ensejo e fez questão de mandar um recado pata a torcida cruzeirense.

“Vejo qualidade no grupo, que há pouco tempo foi bicampeão. Ninguém esquece de jogar bola. Agora é dar confiança e trabalhar, trabalhar com intensidade. O momento afunilou, são três jogos decisivos. Agora é vivenciar o Vasco, ao qual enfrentei recentemente e fomos melhores”, destacou.

“Peço de coração à China Azul: preciso da ajuda de vocês. É com este intuito que vim para cá. Ganhei o privilégio de ter um dia a mais, pois o jogo é segunda-feira, e ainda vamos saber o resultado do Ceará”, complementou.

Adilson relatou a conversa que teve com os jogadores antes da apresentação e fez questão de falar de sua experiencia no futebol e da dedicação para o Cruzeiro.

“Já coloquei para os jogadores o que precisamos fazer. E ouvi, é importante escutar neste momento. Mas é preciso ter atitude. Não adianta falar e não fazer. Apesar de só ter 51 anos, já tenho boa experiência para cobrar. Serão 24 horas dedicadas ao Cruzeiro. Estou confiante, acredito muito neste elenco”, finalizou.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.