Coletiva

"Eu não posso julgar", disse Tite sobre o caso Neymar

Tite disse ainda que Neymar é imprescindível, mas não insubstituível na seleção brasileira.
Imirante Esporte03/06/2019 às 15h15
"Eu não posso julgar", disse Tite sobre o caso NeymarO técnico Tite respondeu perguntas de 25 jornalistas. ( Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

RIO DE JANEIRO – O técnico Tite respondeu perguntas de 25 jornalistas, na manhã desta segunda-feira (3), na Granja Comary, em Teresópolis.

Mais da metade das indagações foram sobre Neymar, principalmente sobre o boletim de ocorrência (B.O.) registrado na última sexta-feira (31) por uma mulher que acusa o jogador de estupro.

Leia também:

Neymar Jr. é acusado de estuprar mulher em Paris

Neymar Jr. nega estupro e mostra troca de conversas eróticas com autora da acusação

Tite, que estava ao lado do auxiliar Cleber Xavier e do coordenador Edu Gaspar, informou que teve duas conversas com Neymar, mas se negou a revelar aos jornalistas o conteúdo do diálogo.

O técnico da seleção brasileira ressaltou a lealdade da relação que tem com o jogador, e repetiu insistentemente que não vai julgar Neymar. Tite disse ainda que Neymar é imprescindível, mas não insubstituível na seleção brasileira.

“Eu sei da importância do assunto e sei que ele é pessoal, e tem um tempo para que as pessoas possam julgar os fatos. Eu não vou me permitir julgar”, disse Tite.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.