Copa Libertadores

Felipão analisa atuação do Palmeiras diante do San Lorenzo

O Alviverde foi derrotado pela equipe argentina e caiu para a vice-liderança do Grupo F.
Imirante Esporte, com informações da Agência Palmeiras03/04/2019 às 18h12
Felipão analisa atuação do Palmeiras diante do San LorenzoLuiz Felipe Scolari, técnico do Palmeiras. (Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação)

BUENOS AIRES (ARGENTINA) - O Palmeiras sofreu a sua primeira derrota na atual edição da Conmebol Libertadores. Jogando na Argentina, o Verdão perdeu por 1 a 0 para o San Lorenzo-ARG e agora passa a ocupar a vice-liderança do Grupo F da competição com seis pontos conquistados. Após o revés, o técnico Luiz Felipe Scolari analisou o rendimento de seus comandados diante dos argentinos.

"Faltou definir, chutar a bola para o gol. Ninguém arriscava. Não adianta nada, temos de ter vontade de fazer o gol. Não tivemos hoje. Não fizemos um jogo normal, que é o jogo do Palmeiras, e pagamos caro. Faltou profundidade, trabalhar a bola bem do meio para a frente. Tivemos uma ou outra chance, mas não foi o Palmeiras que eu gosto", disse o treinador, comentando sobre o estilo de jogo do rival.

"O San Lorenzo tem de jogar dessa maneira, está jogando só uma competição. No campeonato deles estão lá no fim. Eles jogarão a Libertadores, e todos nós sabíamos disso. Temos de respeitar o futebol argentino de qualquer forma, eles jogam com amor, dedicação e uma vontade diferente. Temos de aprender a respeitar isso e jogar dessa forma", afirmou.

O próximo compromisso do Palmeiras será no domingo (07), às 16h, contra o São Paulo, no Allianz Parque, pela partida de volta da semifinal do Campeonato Paulista. Já na quarta (10), às 21h30, o Verdão enfrenta o Junior Barranquilla-COL, novamente na arena palestrina, pela fase de grupos da Conmebol Libertadores.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.