Futebol

Alexandre Pato é apresentado e declara amor ao São Paulo

Atacante concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira (29), no CT da Barra Funda.
Imirante Esporte, com informações do São Paulo FC29/03/2019 às 21h29
Alexandre Pato é apresentado e declara amor ao São PauloAlexandre Pato está de volta ao São Paulo. (Rubens Chiri / São Paulo FC)

SÃO PAULO - “Estou muito feliz de voltar para casa, de voltar a ficar perto das pessoas que eu amo e representar um clube tão grandioso. A minha escolha pelo São Paulo foi por amor”. As palavras de Alexandre Pato durante a apresentação nesta sexta-feira (29), no CT da Barra Funda, resumem a alegria do jogador neste retorno ao Tricolor.

Após realizar os exames médicos pela manhã, reencontrar os amigos e conhecer os novos companheiros, o reforço recebeu às boas-vindas do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva e do executivo de futebol Raí, que abriram a entrevista coletiva.

“É um momento especial e grandioso na história recente do São Paulo. Na primeira passagem, o Pato deixou uma marca importante profissional e pessoal. Não cometo erro ou exagero ao dizer que é um caso de amor recíproco: dele pelo São Paulo e de toda comunidade por ele. É um momento de muita alegria e demonstra a intenção do clube de ir em busca de conquistas e de planos mais elevados”, disse Leco, que teve a opinião compartilhada por Raí.

“Estou muito feliz pela chegada. Dou as boas-vindas ao Pato, que tem talento e vai agregar muito em todos aspectos, na questão tática e o significado dele no clube. O carinho que tem pelo São Paulo é recíproco. Chega em um momento importante, porque o time vem crescendo e mostrando capacidade e diversidade nos seus talentos. Ele chega em um momento importante do São Paulo, porque certamente vai agregar muito para nós. A nação são-paulina está muito feliz com o Pato”, afirmou.

Na sequência, o atacante vestiu a nova camisa – revelada na última quinta-feira (28) – e agradeceu o carinho que tem recebido nesta volta ao Tricolor. “Me receberam de abraços abertos, me abraçaram tão forte que falei que esse abraço me marcou. Minha escolha foi pelo legado que tive na primeira passagem e pelo carinho dos torcedores. É um amor que não tenho como explicar. Estou muito feliz pela minha escolha, foi a mais certa que fiz na minha vida. Vou fazer de tudo para que possa devolver aos torcedores”, revelou o atleta, que emendou.

"O CT é demais. É como voltar para casa, porque o que fica mesmo é o amor pelo clube. Agora é uma nova era, vou escrever uma nova história. Quero buscar títulos e retribuir o carinho dos torcedores. Só tenho de agradecer a diretoria e ao torcedor são-paulino. Para entrar na história de um clube é preciso ser campeão, e vou conversar com Lugano e Raí depois para pedir uma cola para eles (risos)”, brincou Pato, que está motivado.

“Vim para ser eternizado, estar perto do São Paulo neste momento de reconstrução. Muitos jogadores novos, que estão crescendo. Estou feliz aqui, minha escolha foi a melhor. O que sempre será é a minha decisão, que foi a de jogar no São Paulo. Não vejo outro lugar melhor do que o São Paulo para jogar. Como o amor, a minha volta para o São Paulo pesou muito o que eles fizeram comigo na minha primeira passagem. Voltei para ficar perto das pessoas que eu amo e do clube que me abraçou. A minha primeira escolha se voltasse seria o São Paulo”, emendou o atacante, que está na torcida pelo Tricolor no clássico contra o Palmeiras.

“Se pudesse colocava a chuteira e ia para o jogo para amanhã. Acabei de almoçar com o pessoal... Ual, queria muito estar nesse jogo amanhã. Vou estar no estádio, torcendo da arquibancada para que o São Paulo tenha uma boa vitória. O São Paulo está recuperando a confiança, fico feliz de estar perto do São Paulo, quero estar perto amanhã”, concluiu.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.