Campeonato Mineiro

Cruzeiro vence, fica perto da liderança e rebaixa o Tupi no Estadual

Com a vitória em Juiz de Fora, a Raposa chegou aos 22 pontos na competição.
Imirante Esporte, com informações do Cruzeiro EC16/03/2019 às 18h31
Cruzeiro vence, fica perto da liderança e rebaixa o Tupi no EstadualSem maiores problemas, o Cruzeiro bateu o Tupi em Juiz de Fora. (Bruno Haddad / Cruzeiro EC)

JUIZ DE FORA - Invicto na temporada, o Cruzeiro ampliou a marca ao vencer o Tupi por 3 a 0 na tarde deste sábado, 16 de março, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora. O confronto foi válido pela 10 ª rodada do Campeonato Mineiro.

O primeiro gol celeste foi contra, com Aislan, do Tupi, cabeceando para trás e deixando o goleiro Vilar sem reação com apenas um minuto de compromisso. A Raposa ampliou o placar com Fred, de pênalti, aos 20 minutos também da primeira etapa. Egídio, em uma bela cobrança de falta, fechou o marcador para o clube estrelado aos 38 da etapa final.

Com o resultado, o Cruzeiro chega a 22 pontos e conquista a segunda posição da tabela. A próxima partida dos comandados de Mano Menezes pelo torneio estadual é na próxima quarta-feira, às 21h30, contra a Caldense, no Mineirão.

O jogo

Com força máxima em campo, o Cruzeiro logo já começou o jogo mostrando sua força contra o Tupi, com bons toques de bola da Raposa. Logo no primeiro minuto de duelo, Robinho lançou a bola para a área e, com a pressão celeste, Aislan cabeceou contra o próprio gol: Cruzeiro 1 x 0.

Cinco minutos depois, o time cinco estrelas novamente chegou com perigo. Pelo lado esquerdo, Rodriguinho chegou livre, lançou a bola para Rafinha, que bateu de primeira, mas mandou para fora.

A primeira chegada de maior destaque do Tupi só aconteceu aos 18 minutos. Pablo se apresentou pelo lado direito, cruzou, mas Fábio saiu com segurança e ficou com a bola.

No lance consecutivo, o Cruzeiro saiu em direção ao ataque e, já dentro da área, Guilherme tocou na bola e tirou Henrique do lance. O árbitro marcou pênalti para o clube estrelado, que foi cobrado e anotado por Fred: Cruzeiro 2 x 0.

Quando eram decorridos 37 minutos, Egídio cobrou falta sofrida por Robinho e o Cruzeiro quase ampliou o placar novamente. O goleiro Vilar deu um toque suave na bola, que desviou seu caminho e explodiu na trave.

Etapa final

Mesmo com o placar já de 2 x 0, o Cruzeiro voltou para o segundo tempo buscando ampliar ainda mais o marcador. Aos 7 minutos, Marquinhos Gabriel disparou em direção ao gol, tocou para Robinho, que tocou para dentro da área, mas a chance não foi aproveitada.

Em mais uma importante jogada de Marquinhos Gabriel, o camisa 20 chegou pelo lado esquerdo aos 14 minutos e deu o passe para o artilheiro Fred. O camisa 9 tocou de letra, mas a trave novamente salvou a equipe do Tupi de sofrer um belíssimo gol.

Novamente, a dupla Marquinhos Gabriel e Fred apareceu bem, dessa vez aos 22. O meia cruzou na cabeça do atacante, que mandou para o fundo do gol. A arbitragem entendeu como impedimento e anulou o tento.

E já no fim do jogo, aos 38 minutos, Egídio marcou um golaço para o Cruzeiro. Em cobrança de falta perfeita, o camisa 6 lançou a bola por cima da barreira, sem chances para o goleiro Vilar, que nem se mexeu. Tupi 0 x 3 Cruzeiro.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.