Campeonato Carioca

Fernando Diniz projeta clássico pelo Estadual: "Fla-Flu é sempre diferente"

Flamengo e Fluminense se enfrentam nesta quinta-feira (14), pelas semifinais da Taça Guanabara.
Imirante Esporte, com informações do Fluminense FC13/02/2019 às 20h19
Fernando Diniz projeta clássico pelo Estadual: "Fla-Flu é sempre diferente"Fernando Diniz, técnico do Fluminense. (Lucas Merçon / Fluminense FC)

RIO DE JANEIRO - O Fluminense fez seu último treino nesta quarta-feira, no CT da Barra da Tijuca, antes da semifinal da Taça Guanabara. O confronto diante do Flamengo, às 20h30 desta quinta-feira, no Maracanã, marca também o primeiro clássico Fla-Flu de Fernando Diniz como técnico do Tricolor. Em entrevista coletiva, o treinador falou sobre a decisão da vaga para a final da competição, além de comentar sobre a tragédia da última sexta-feira no Ninho do Urubu.

"Num jogo de futebol, o lado psicológico tem fator decisivo, sempre está no jogo. Isso que aconteceu transcende o futebol, uma tragédia como essa vai além do que se pode determinar no resultado do jogo. Ficamos muito entristecidos, mexe muito com a gente e o jogo não é a coisa mais relevante, quem conseguir jogar melhor vai vencer a partida. Esse fato à parte tem que ser usado em toda a comunidade do futebol para evitar que isso ocorra novamente", disse o treinador, projetando o clássico.

"Fla-Flu sempre é diferente. Adorava jogar e confesso que estou com uma alegria muito grande em participar agora como técnico. É um jogo que mexe com as pessoas, o Rio de Janeiro é uma cidade que respira futebol de uma maneira diferente, a gente percebe pelos torcedores. Tem um charme envolvendo e quando se fala em Fla-Flu, mexe com a emoção das pessoas de uma maneira singular", destacou. Fernando Diniz também avaliou a forma de jogar utilizada pelo Tricolor desde sua chegada ao comando da equipe.

"Penso jogo a jogo, mas o estilo serve para todas as situações. O time está jogando bem assim. Tem que tomar cuidado com o Flamengo, tem um dos nossos maiores treinadores como técnico, é um estrategista, tem grandes jogadores, um time de alto investimento. Então, tem que tomar os cuidados necessários, mas vamos jogar dentro das nossas características. Queremos melhorar cada vez mais para que o estilo que gostamos de jogar fique mais sólido também", analisou o técnico, abordando as principais características do time.

"O time tem uma característica ofensiva muito grande, uma vocação para fazer gol, de fato, mas não pode ficar empolgado, achando que será sempre uma rotina. O que a gente faz é buscar o gol insistentemente e tomar as precauções necessárias para não tomar os gols. O que mais me agrada é que é um time que está equilibrado, tem feito muitos gols e sofrido poucos. Agora, jogando confrontos mais acirrados, tem que saber jogar, saber que o adversário tem poder grande de se defender e de atacar também, então, ainda temos muitas coisas para melhorar", ponderou. Questionado sobre a chegada de Ganso ao Flu, o comandante tricolor se mostrou confiante.

"O estilo do Ganso se adapta muito bem àquilo que o Fluminense está jogando, um time que tem bastante a bola, que troca muitos passes. O jeito do Ganso se comportar no campo já tem encaixe em andamento com o Fluminense, agora é a adaptação dele ao futebol brasileiro, a convivência no Fluminense. Estou muito confiante e esperançoso que a gente vai conseguir um ambiente facilitador para ele e ele vai devolver em termos de desempenho dentro de campo", finalizou Diniz.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.