Copa Libertadores

Campeão da Sul-Americana, Pablo projeta Libertadores pelo São Paulo

Tricolor estreia na competição continental nesta quarta-feira (6), diante do Talleres, da Argentina.
Imirante Esporte, com informações do São Paulo FC04/02/2019 às 22h20
Campeão da Sul-Americana, Pablo projeta Libertadores pelo São PauloPablo, atacante do São Paulo. (Rubens Chiri / São Paulo FC)

SÃO PAULO - Campeão da Sul-Americana de 2018 pelo Athletico Paranaense, Pablo disputará a sua primeira Copa Libertadores pelo São Paulo. E o atacante está focado nos confrontos com o Talleres-ARG, válidos pela fase preliminar, para defender a tradição do Tricolor na maior competição do continente.

“O São Paulo tem tradição na Libertadores. Emocionalmente falando, nessa fase, temos de lembrar de 2016, que o clube entrou na mesma fase e chegou na semifinal. Isso nos possibilita sonhar com coisas grandes na competição”, disse o camisa 12, que emendou.

“Chegamos preparados, sim, para encarar o torneio. E conscientes desta responsabilidade. Tenho certeza que a equipe está preparada para esse desafio. É uma pressão sempre que você entra para jogar um jogo pelo São Paulo. Jogo internacional é de pressão, e temos de estar muito conscientes”, afirmou.

Na noite da próxima quarta-feira (6), em Córdoba, o São Paulo enfrentará os argentinos no confronto de ida desta fase preliminar. Depois, no dia 13, receberá o Talleres no Morumbi para o decisivo duelo que definirá o vencedor. O clube que avançar no torneio continental enfrentará Palestino (Chile) ou Independiente Medellín (Colômbia) na terceira fase.

“Sul-Americana e Libertadores são competições distintas, mas tento trazer do que aprendi e conquistei ano passado. Tem que lembrar que quando se fala de Libertadores com o São Paulo motiva, é diferente. Os times fazem catimba, enchem estádio, principalmente contra o São Paulo”, opinou Pablo, que foi o artilheiro da Sul-Americana da temporada passada, com cinco gols.

Durante o atendimento à imprensa, o jogador projetou a partida com o Talleres. “Temos de estar atentos à forma que os argentinos jogam. Cada jogo é uma história e temos de fazer a nossa agora, buscando resultados positivos nas duas partidas. A gente tem que se preocupar com a nossa forma de jogar, como vamos impor o jogo. Estaremos atentos ao Talleres, sabemos como é o futebol argentino, jogo pegado”, finalizou.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.