Duelo de gigantes

Sampaoli diz que problema de CR7 é viver auge junto com Messi

Cristiano poderá receber a quarta nomeação como o melhor jogador do planeta.
Gazeta Esportiva03/01/2017 às 09h48

SÃO PAULO - Cristiano Ronaldo pinta como favorito para vencer o prêmio de melhor jogador do mundo pela Fifa no próximo dia 9, no entanto, o português de 31 anos certamente gostaria de já o ter vencido mais vezes na carreira. O que impediu o domínio absoluto do craque do Real Madrid acabou sendo a presença de outro atleta dominante: Lionel Messi.

Opinando sobre as frequentes comparações feitas entre o português e o argentino, o técnico Jorge Sampaoli, atualmente no Sevilla, elogiou o camisa 7 merengue, mas acredita que o fato do seu auge ter coincidido com a época dos melhores anos da estrela do Barcelona foi um grande obstáculo.

“Cristiano é grandioso, sobretudo no último terço do campo. É um futebolista decisivo e que define as jogadas. O único problema é que o seu apogeu, coincidiu com o de Messi, o melhor jogador da história, ou quase”, comentou o treinador em entrevista ao jornal Marca.

Na próxima semana, a tendência é que Cristiano, no entanto, seja agraciado com sua quarta nomeação como o melhor jogador do planeta. Messi é o recordista no quesito, com cinco prêmios. O português já venceu, no final de 2016, o prêmio referente a revista France Football, que a partir desta edição rompeu sua unificação com o prêmio da Fifa.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.