Copa do Brasil

Renato prega respeito ao Atlético-MG e confirma reservas em Recife

Técnico ficou satisfeito com resultado conquistado no Mineirão.
Gazeta Esportiva24/11/2016 às 09h01

BELO HORIZONTE - O Grêmio deu um grande passo para conquistar o título da Copa do Brasil ao ganhar do Atlético-MG por 3 a 1 na primeira final. Satisfeito com o triunfo alcançado em pleno Mineirão na noite desta quarta-feira, o técnico Renato Gaúcho prega respeito ao adversário na decisão e pretende poupar os titulares no Brasileiro.

“Nada está definido. Também tivemos essa vantagem contra o Cruzeiro (na semifinal) e tomamos um sufoco na Arena. O Atlético-MG é uma grande equipe, com jogadores experientes e que podem decidir uma partida. Então, todo o cuidado é pouco”, afirmou Renato Gaúcho.

A decisão da Copa do Brasil está marcada para as 21h45 (de Brasília) da próxima quarta-feira, na Arena do Grêmio. O time comandado pelo técnico Renato Gaúcho garante o título do torneio nacional mesmo com uma derrota por 1 a 0 dentro de casa.

“Vamos esquecer a vantagem e começar zero a zero. Depois, no final do jogo, se precisar, jogamos com o regulamento. Em casa, temos a força da torcida, com 60 mil pessoas apoiando. Mas todo o mundo aqui está com os pés no chão. Não ganhamos nada e temos o maior respeito pelo Atlético-MG”, reforçou.

No Campeonato Brasileiro, com 53 pontos ganhos, o Grêmio ocupa a oitava colocação e enfrenta o Santa Cruz às 19h30 (de Brasília) de domingo, em Recife, pela 37ª rodada. Pensando no título da Copa do Brasil, Renato Gaúcho planeja mandar apenas os reservas para Pernambuco – o próprio técnico permanecerá em Porto Alegre.

“De maneira alguma estamos menosprezando o Santa Cruz. Pelo contrário, temos o maior respeito. Mas estamos em uma final de Copa do Brasil e não decidimos isso agora no vestiário. Então, vamos seguir nossa programação. O time que jogou hoje e talvez mais ou dois jogadores vão ficar comigo treinando em Porto Alegre”, explicou.

Protagonista na história do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, Renato Gaúcho sente o elenco no caminho certo para conquistar o pentacampeonato da Copa do Brasil. O time tricolor, um dos maiores ganhadores do torneio nacional, não vence desde 2001.

“O grupo está querendo e vem fazendo por merecer esse título. Tem que dar os parabéns também à torcida, que foi ao aeroporto. Aquele calor humano foi importante. A gente sente nos olhos que o torcedor está carente de um título e esse recado, o grupo entendeu muito bem”, declarou.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.