Série B

Paysandu e Goiás empatam no Mangueirão

O Papão e o Esmeraldino ocupam posições no meio da tabela da Série B.
Gazeta Esportiva22/10/2016 às 19h34

BELÉM - Em confronto de dois times da metade de baixo da tabela da Série B, Paysandu e Goiás se enfrentaram neste sábado, no Mangueirão, e se afastaram ainda mais de uma possível arrancada para brigar pelo acesso para a primeira divisão. Em jogo eletrizante na primeira etapa e morno na segunda, os dois times ficaram apenas no empate em 1 a 1 no placar.

A partida contou com dois tempos distintos. Na primeira etapa, o jogo contou com diversas chances para os dois lados. Com isso, as duas equipes conseguiram balançar as redes. Aos 16, em cobrança de pênalti, Leandro Cearense abriu o placar para o Paysandu. Já aos 44, David acertou chute de fora da área e deixou tudo igual para o Goiás. No segundo tempo, no entanto, o confronto foi extremamente morno e de poucas oportunidades criadas. Sendo assim, tanto o Papão quanto o Esmeraldino não tiveram chances o suficiente para sair de campo com a vitória no placar, terminando o duelo em 1 a 1.

Com o resultado, as duas equipes seguiram estagnadas na tabela de classificação, possuindo poucas chances tanto de brigar pelo acesso para a Série A quanto de queda para a Série C. O Esmeraldino ocupa a 13ª colocação, com 41 pontos. Já o Papão é o 14º, com 40.

O Goiás volta a atuar pela Série B já na próxima terça-feira, quando recebe o CRB, no Serra Dourada, às 21h30(de Brasília). Já o Paysandu jogará somente no sábado, recebendo o Sampaio Corrêa, no Mangueirão, às 17h (de Brasília).

Atuando em casa, o Paysandu começou a partida pressionando e dando trabalho ao goleiro Márcio. Com isso, não demorou muito para abrir o placar. Aos 16 minutos, Leandro Cearense foi derrubado dentro da área após entrada por cima da bola e o árbitro marcou pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança e deslocou o arqueiro alviverde para fazer o primeiro dos donos da casa.

Após sofrer o gol, o Goiás passou a equilibrar o jogo e chegou com perigo em falta cobrada por Ednei, aos 27 minutos. Emerson, porém, foi bem para espalmar a bola.

A partir daí, o jogo ficou lá e cá. Aos 32, João Lucas cruzou e Rodrigo Andrade cabeceou com muito perigo no segundo pau para quase ampliar o placar.

Na sequência, aos 34, foi a vez do Esmeraldino responder. Walter recebeu pelo lado direito e realizou cruzamento traiçoeiro que bateu na trave. No rebote, Léo Gamalho finalizou e obrigou Emerson a operar um milagre para salvar o gol.

Apesar das boas chances das duas equipes, principalmente em chutes de longa distância, foi o Goiás quem ainda conseguiu marcar antes do intervalo. Aos 44 minutos, Léo Gamalho recebeu na entrada da área e tocou para David. O volante chutou no cantinho e deixou tudo igual no Mangueirão.

Após um final de primeiro tempo eletrizante, o jogo ficou morno em boa parte da segunda etapa. A principal chance dos minutos iniciais foi de Tiago Luis. Aos 16, o meia chutou mascado, a bola desviou na zaga e quase enganou o goleiro Márcio.

Nos minutos seguintes, o jogo seguiu sem chances de perigo. O Goiás dominava a posse de bola, mas não conseguiu se infiltrar na defesa do Papão.

O panorama seguiu o mesmo nos minutos finais, apesar de uma expectativa de uma pressão final dos times em busca da vitória. Com isso, o duelo terminou empatado em 1 a 1.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.