Série B

Bahia empata com o Oeste e perde chance de entrar no G4

Enquanto o Tricolor da Boa Terra luta pelo acesso, o Rubrão briga para não ser rebaixado.
Gazeta Esportiva22/10/2016 às 19h39

BARUERI - O Bahia não fez valer o favoritismo que detinha diante do Oeste e deixou a Arena Barueri, neste sábado, com um empate por 1 a 1. O resultado distanciou a equipe do G4 do Campeonato Brasileiro da Série B. O time caiu para o sexto lugar, com 50 pontos. O primeiro a figurar na zona de acesso é o Londrina, que contabiliza 52 pontos.

O empate é frustrante para o Bahia, já que restam seis rodadas para o fim da competição. O primeiro gol do jogo foi marcado pelo Oeste aos 13 minutos do segundo tempo, em cobrança de falta de Pedro Carmona que acertou o ângulo de Muriel. Os tricolores só conseguiram o empate com um gol contra de Bruno Silva, aos 18 minutos.

O próximo compromisso do Bahia será disputado só no sábado, contra o Ceará, na Fonte Nova. Já o Oeste, que segue vivendo a ameaça do rebaixamento, na 16ª colocação, com 34 pontos, enfrenta o Luverdense nesta terça-feira, na Arena Barueri.

Faltou qualidade técnica para os times do Bahia e do Oeste no primeiro tempo da partida. O time dirigido por Guto Ferreira foi melhor do que o clube mandante, mas não conseguiu superar a zaga adversária em nenhum momento.

A primeira chance de gol foi tímida. Aos nove minutos, Juninho ameaçou com um lançamento certeiro para a área, mas a zaga do Oeste se antecipou antes da conclusão do ataque. O Oeste, preocupado com a defesa, neutralizou as investidas do Bahia e não sofreu com a pressão que os meio-campistas tentavam impor.

Os visitantes só tiveram mais uma chance na etapa inicial. Aos 29 minutos, Edigar Junio dominou com dificuldades uma bola na entrada da área e avançou em direção ao gol. O atacante ficou de frente para Felipe Alves, livre de marcação, mas chutou fraco e mandou nas mãos do goleiro.

A volta do intervalo não fez bem para o Bahia. O time voltou relapso e foi incapaz de conter o avanço do Oeste. Aos nove minutos, Mike arriscou o chute da entrada da área e exigiu defesa de Muriel. Já aos 13, Pedro Carmona bateu falta com categoria e acertou o ângulo, sem chances de defesa para Muriel.

Em desvantagem, o Bahia esboçou uma pressão e acuou o Oeste no campo defensivo. A estratégia surtiu efeito e, aos 18 minutos, Bruno Silva se atrapalhou e fez um gol contra. O jogador rubro-negro tentou se antecipar ao ataque para afastar um cruzamento de Eduardo, mas chutou para dentro do gol defendido por Felipe Alves.

No minuto seguinte, Mike respondeu para o Oeste e só não fez o gol porque Muriel conseguiu espalmar. Aos 21, o lateral Eduardo voltou a cruzar rasteiro para a área, mas Victor Rangel chegou atrasado no lance e não conseguiu empurrar para as redes.

Após a alucinante troca de chances, Bahia e Oeste se acomodaram e diminuíram a intensidade do jogo. A última chance do jogo foi criada pelos baianos. Aos 34 minutos, o goleiro Felipe Alves fechou o ângulo do zagueiro Tinga, dentro da área, e usou o peito para impedir o segundo gol dos visitantes.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.