Justiça

Andrés Sanchez não teme prisão na Operação Lava Jato e abandona o Corinthians

“Eu, ser preso? Não cometi crime nenhum. Falam que serei preso faz oito anos".
Gazeta Esportiva17/10/2016 às 15h32

SÃO PAULO - Ex-presidente do Corinthians e atual deputado federal, Andrés Sanchez teve atuação decisiva para a construção da Arena Corinthians, estádio que serviu como uma das sedes da Copa do Mundo de 2014. A construtora Odebretch foi a responsável pela obra, mas agora tem sido alvo da Operação Lava Jato, investigação da Polícia Federal que combate diversas ações de corrupção envolvendo a Petrobras, empreiteiras e integrantes de diferentes escalões do Governo Federal. Questionado sobre qualquer receio de ser preso em futuras investigações, Andrés deixou claro na edição deste domingo do Mesa Redonda, da TV Gazeta:

“Eu, ser preso? Não cometi crime nenhum. Falam que serei preso faz oito anos”, comentou ao ser questionado que a Lava Jato teria influência no seu afastamento do futebol e do Corinthians. “É ridículo. Você não ganha nada como presidente, tem decepções, perde mais amigos e é chamado de ladrão”, afirmou.

Andrés garante que está afastado da política corintiana por discordâncias em relação à atual administração de Roberto de Andrade e diz que “não irá mais se candidatar à presidência” para abrir espaço a novas lideranças. Em relação à construção e aos gastos da Arena Corinthians, ele afirma que está à disposição da Justiça para esclarecer todas as questões pendentes. O valor inicial do estádio era de R$ 820 milhões, porém superou o patamar de R$ 1 bilhão, segundo o próprio Andrés, pela questão dos juros de pagamento.

Por fim, o ex-presidente ainda falou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, réu em três denúncias distintas da Lava Jato, não teve participação decisiva na construção do estádio em Itaquera. “Nós tivemos 2 anos de atraso na liberação de verbas e temos dívidas com a Caixa e o BNDS. Então como ele ajudou? O Lula é meu amigo, mas a única coisa que me falou é que (o estádio) deveria ser em Itaquera pois ajudaria no desenvolvimento de regiões mais pobres”, comentou Andrés.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.