Campeonato Mineiro

Cruzeiro e América-MG empatam no Mineirão

As duas equipes perderam a chance de assumir a liderança do Campeonato Mineiro.
Gazeta Esportiva28/02/2016 às 20h51

BELO HORIZONTE - Cruzeiro e América-MG estiveram longe de fazer um grande clássico neste domingo, no Mineirão. Muito pouco inspiradas em campo, principalmente em termos ofensivos, os rivais protagonizaram uma partida sofrível no Gigante da Pampulha, que acabou empatada por 1 a 1 e tirou de ambos os clubes a possibilidade de assumir a liderança do Estadual, que acabou ficando com o Uberlândia.

A igualdade, contudo, acabou sendo definida apenas nos acréscimos da partida. Apesar de jogar “pro gasto” durante toda a partida, o Cruzeiro abriu o placar no final do primeiro tempo, com De Arrascaeta, e esteve muito próximo de vencer o clássico, porém o lateral Bryan, com um golaço no apagar das luzes, impediu que os comandados de Deivid comemorassem uma vitória que parecia certa.

Apesar do empate, o Cruzeiro, ao menos, mantém um tabu de quase 14 anos sem perder para o América-MG no Mineirão. Com o resultado, a Raposa segue na segunda colocação do Estadual com 11 pontos, enquanto que o Coelho caiu para a quarta colocação, com um ponto a menos que o tradicional rival.

O Jogo

Fazendo jus à história de 95 anos do confronto, o clássico, no Mineirão, começou bastante animado e ambas as equipes tiveram ótimas chances para abrir o placar. Pelo lado do Cruzeiro, Alisson desperdiçou duas boas chances, enquanto que no América-MG, Pablo parou no goleiro Fábio, em chute forte de fora da área.

O ritmo veloz, contudo, caiu em razão dos vários erros de passes e das dificuldades de ambos os ataques em superar as defesas adversárias. Ainda no final, contudo, os clubes criaram boas oportunidades em lances semelhantes, mas, as finalizações de Sánchez Miño e Rafael Bastos foram bloqueadas pela defesa.

Apesar do equilíbrio da partida, o Cruzeiro aproveitou uma falha do América-MG numa cobrança de lateral e, após bela triangulação, o uruguaio De Arrascaeta mostrou categoria para, aos 43 minutos, abrir o placar, garantindo a vantagem à Raposa no intervalo.

Com o placar a seu favor, o Cruzeiro voltou para o segundo tempo melhor que o América-MG. Mais tranquilo, o time celeste, com maior posse de bola, passou a dominar a partida e chegou próximo de marcar o segundo com Bruno Rodrigo, em lance de cabeça. Sem inspiração, o Coelho não conseguia furar a zaga bem montada da Raposa.

Na sequência do segundo tempo, o time celeste se retraiu, aguardando o momento certo para contra-atacar. O América-MG, por sua vez, ensaiou uma pressão, mas abusou dos arremates de fora da área. A insistência, contudo, premiou o Coelho que acabou empatando a partida no final da partida em um chutaço de longe do lateral Bryan.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.