Futebol

Por Seleção, Lucas Lima recusou quase R$ 5 milhões mensais

O meia ainda respondeu sobre a possibilidade de jogar a Olimpíada em 2016
Gazeta Esportiva25/01/2016 às 11h23

SÃO PAULO - As astronômicas cifras que os clubes chineses oferecem para levar alguns dos destaques do futebol brasileiro recentemente não são capazes de seduzir todo mundo. Lucas Lima, que teve proposta para ir atuar na Ásia, mas a recusou, visando uma carreira na Europa e continuar sendo chamado para a Seleção Brasileira, admitiu que o dinheiro oferecido para que ele deixasse o Santos era muito alto, com um salário que chegava perto dos R$ 5 milhões por mês.

“É muito dinheiro. Se eu falar aqui, vão me chamar de louco. Recusei mais de 3 milhões por mês, quase 5. Balança, é como falei. Conversei muito com meu pai, com a minha família. Meu pai sempre diz que dinheiro não é tudo na vida, importante também é ser feliz. Não vou falar que não quero ter dinheiro, ser rico, pois estaria mentindo. Mas são escolhas, fiz essa pela minha felicidade, que é jogar futebol, e o sonho de Seleção Brasileira e Europa, que eu vou atrás até o final”, disse o atleta em contato com a emissora Esporte Interativo.

O meia ainda respondeu sobre a possibilidade de jogar a Olimpíada em 2016 como um dos três convocados que podem exceder a idade máxima de 23 anos no grupo. Mesmo sabendo que está atrás de alguns atletas na lista de Dunga, o jogador trabalha para conseguir ser chamado.

“A gente sonha. No futebol tudo é possível. Vou continuar sonhando e trabalhando para que aconteça. Sei que tem pessoas na minha frente, mas depende apenas de mim, se for a vontade de Deus, espero estar lá fazendo o melhor”, comentou.

Com bom humor, Lucas Lima ainda declarou não se importar com as brincadeiras que a torcida palmeirense costuma fazer na internet contra ele, depois do jogador ter sido bem marcado por Matheus Sales na final da Copa do Brasil. O camisa 20 vê esse tipo de provocação como natural nas rivalidades futebolísticas.

“Levo na brincadeira. É uma coisa natural, o torcedor brinca comigo, eu respondo ele na brincadeira também. Levo na esportiva, não tenho nada contra a torcida deles. Criou-se uma rivalidade grande pelo Paulista e Copa do Brasil”, afirmou.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.