Futebol

Ex-presidente da Fifa, João Havelange está internado no RJ

Ex-dirigente foi internado por causa de infecção respiratória em junho do ano passado.
Gazeta Esportiva27/11/2015 às 08h34

SÃO PAULO - Em meio a agitação nos bastidores do futebol mundial, um polêmico personagem histórico da política da modalidade está com problemas de saúde. Ex-presidente da Fifa e antecessor de Joseph Blatter no cargo, João Havelange está internado com problemas pulmonares no Hospital Samaritano, no bairro de Botafogo do Rio de Janeiro.

“O Hospital Samaritano (Botafogo) informa que o ex-presidente de honra da Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa), João Havelange, encontra-se internado na instituição em função de problema pulmonar. O paciente evolui positivamente ao tratamento e seu quadro de saúde é estável”, diz comunicado enviado pela instituição à reportagem da Gazeta Esportiva.

Atualmente com 99 anos, o ex-dirigente foi internado por causa de infecção respiratória em junho do ano passado e permaneceu no Hospital Samaritano, na mesma unidade em que está agora, por quatro dias até receber alta. Em 2012, chegou a ficar em estado grave com quadro de infecção bacteriana, mas recebeu tratamento no mesmo local e se recuperou.

Profissionalmente, Havelange acumula títulos políticos no esporte. Além da entidade máxima do futebol mundial, já comandou a extinta Confederação Brasileira de Desportos (CBD), e, ainda na década de 1960, foi eleito membro do Comitê Olímpico Internacional (COI), posto que ocupou até sua renúncia, em 2011. Antes de ingressar na parte administrativa, foi atleta de natação e polo aquático, e chegou a conquistar medalha de bronze na modalidade coletiva nos Jogos Pan-Americanos de 1995.

Na Fifa, João Havelange foi eleito presidente em 1974 e ocupou o cargo até 1998, quando Joseph Blatter iniciou sua “era”, que provavelmente durará até fevereiro de 2016, quando novo pleito será realizado. Curiosamente, o brasileiro deixou o posto ao qual havia alçado após a presidência – o de presidente de honra – em meio a denúncias de corrupção em 2013, situação semelhante à vivida pelo suíço atualmente.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.