Campeonato Brasileiro

Chapecoense bate Inter e se livra do rebaixamento

A Chape aproveitou o fator casa para bater o Colorado, que ainda sonha com o G4.
Gazeta Esportiva19/11/2015 às 22h21

CHAPECÓ - A Chapecoense permanece na Série A do Campeonato Brasileiro de 2016. Na noite desta quinta-feira, o Verdão do Oeste exorcizou totalmente o fantasma do rebaixamento ao vencer o Internacional por 1 a 0, na Arena Condá, e chegar aos 46 pontos na tabela de classificação.

Agora, a Chape tem nove pontos a mais que o Coritiba, primeiro time da degola, faltando três rodadas para o final do campeonato A vitória também quebra um jejum da Chape contra o técnico Argel Fucks. O treinador, ex-Figueira, jamais foi derrotado pelo Verdão na carreira: em seis jogos, foram duas quatro vitórias e dois empates.

Do outro lado, o Inter se complica de vez na luta por uma vaga na Copa Libertadores. Com a derrota, o Colorado se mantém com 53 pontos, na sexta colocação, e precisa de uma vitória no clássico ante o Grêmio, no domingo, às 17h (de Brasília), para manter o sonho. Já a aliviada Chapecoense fará clássico contra o Figueirense, no mesmo horário.

O jogo

O pontapé inicial era marcado para as 19h30, mas uma queda de energia na Arena Condá devido às fortes chuvas que caíram contra a cidade de Chapecó adiou em meia hora o começo do jogo.

Quando a bola começou a rolar, as duas equipes mostravam sede em busca do gol, e protagonizaram um começo movimentado na Arena Condá. No entanto, apesar da correria, poucas chances claras eram criadas, e o gramado empoçado atrapalhava a produção dos times.

A primeira delas veio só aos 24 minutos. A defesa da Chape vacilou na intermediária, Anderson roubou a bola e lançou para Vitinho. Livre de marcação e na cara do gol, o atacante acabou sendo atrapalhado pelas poças d’água no gramado e bateu muito mal, por cima da meta de Nivaldo.

Apesar da falta de oportunidades, a partida era equilibrada, e continuou sendo no segundo tempo. O Inter criou a primeira boa chance logo aos quatro minutos. Após cobrança de escanteio, Rodrigo Dourado subiu mais alto que a defesa, mas acabou pegando mal e jogando para defesa de Nivaldo.

No minuto seguinte, veio a resposta do Verdão. Maranhão aproveitou bobeada de Ernando, roubou a bola e bateu muito perto do gol de Alisson. Aos oito, Túlio de Melo conseguiu balançar as redes do Inter, mas foi flagrado em impedimento.

O Colorado acabou e complicando de vez na partida aos 17 minutos, quando o zagueiro Juan fez falta dura em Túlio, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

A Chape aproveitou a superioridade numérica e, dois minutos depois, chegou ao gol. Dener recebeu livre na esquerda, cruzou na área e Ananias tocou de cabeça, de costas, no canto esquerdo de Alisson, levando à loucura o torcedor alviverde.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.