Série B

Ceará fica no empate com o Criciúma no Castelão e segue na vice-lanterna

Com o resultado, a equipe alvinegra foi a sete pontos na tabela e se manteve na 19ª.
Gazeta Esportiva10/07/2015 às 23h11

FORTALEZA - O Ceará não correspondeu às expectativas da torcida e somou apenas um ponto nesta sexta-feira. Jogando no Castelão, o Vozão ficou no empate por 1 a 1 com o Criciúma, em duelo válido pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os visitantes abriram o placar aos 18 minutos da primeira etapa com gol do zagueiro Wanderson, mas os donos da casa igualaram o marcador pouco antes do intervalo, com belo gol de falta de Ricardinho.

Com o resultado, a equipe alvinegra foi a sete pontos na tabela e se manteve na 19ª colocação, à frente apenas do Mogi Mirim, que tem a mesma pontuação, mas três gols a menos de saldo.

Já o Tigre, que segue sem perder sob o comando de Petkovic, foi a 15 pontos e subiu para a 11ª colocação, ultrapassando o CRB. A equipe alagoana, no entanto, ainda recebe o Luverdense neste sábado e pode recuperar seu posto até o fim da rodada.

O próximo compromisso do Ceará na competição está marcado para o dia 18 de julho (sábado), quando a equipe visita o Boa Esporte, em Varginha. Já o Criciúma volta a campo no mesmo dia, mas no Heriberto Hulse, onde enfrenta o Bahia.

O jogo

O início foi movimentado em Fortaleza. Contando com o apoio da torcida no Castelão, o Ceará já criou boa oportunidade aos três minutos de bola rolando, quando, após cobrança de falta, Sandro desviou e quase abriu o placar, mas errou o alvo por muito pouco e ela saiu raspando a trave direita de Luiz. Os visitantes responderam em seguida com Lucca, que cobrou falta com categoria e viu a bola passar pouco acima do travessão.

Enquanto o Vozão trocava passes mais rápido e buscava o campo de ataque, o Tigre acalmava a partida e procurava valorizar a posse de bola. Aos 12 minutos, a postura incisiva deu aos donos da casa nova chance de balançar a rede. Rafael Costa recebeu de Ricardinho, limpou a marcação e bateu com força, mas novamente ela saiu à direita da meta, tirando tinta da trave.

Aos 18 minutos, no entanto, os visitantes mostraram mais eficiência. Após cobrança de falta de Rodrigo Andrade pelo lado direito, a bola viajou sobre a área cearense e chegou à cabeça do zagueiro Wanderson que, livre, subiu bem para cabecear com categoria e abrir o placar. Mantendo sua postura inicial, o Vovô só conseguiu responder com perigo aos 34, novamente com Rafael Costa, quando o atacante bateu forte após tabela com Wescley, mas dessa vez parou em boa defesa do goleiro Luiz.

Mas o empate saiu ainda na primeira etapa. Aos 42 minutos, Ricardinho cobrou falta da entrada da área pelo lado esquerdo com muita categoria e colocou a bola próxima ao ângulo direito do goleiro Luiz, fazendo a festa da torcida no Castelão.

A segunda etapa começou mais devagar, com mais disputas de bola no meio-campo. Aos sete minutos, Petkovic trocou Lucca por Jefferson no ataque do Criciúma. Dois minutos depois, o Ceará teve sua primeira boa chance após o intervalo. Wescley fez boa jogada pela esquerda, chegou à linha de fundo e, mesmo sem ângulo, tentou o chute, mas mandou pela linha de fundo.

Depois veio outra mudança no Tigre, dessa vez no meio-campo: Rafael Pereira saiu para a entrada de Wellington. No Vovô, Geninho trocou Wescley por Rodrigo Silva, buscando partir para cima dos visitantes.

Aos 26, o Ceará voltou a ameaçar a meta de Luiz. Sandro Manoel aproveitou rebote da defesa, chutou forte de fora da área e contou com desvio no meio do caminho para quase enganar o arqueiro do Tigre, que precisou ser rápido para impedir o segundo gol cearense. Logo em seguida, Jefferson arrancou no campo de ataque, invadiu a área e chutou cruzado, mas parou em boa defesa de Tiago, que esticou a perna para salvar os donos da casa.

Com Vinícius no lugar de Fabinho, no Ceará, e Natan na vaga de Rodrigo, no Criciúma, as duas equipes erraram muito nos minutos finais. Aos 45 minutos, o volante Sandro Manoel ainda recebeu seu segundo cartão amarelo e foi expulso de campo. Nos acréscimos, o Criciúma ainda desperdiçou chance de marcar após confusão na área do Vozão e a partida terminou empatada, sob vaias da torcida alvinegra.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.