Copa São Paulo

Com gol de Maycon, Timão vence sua nona Copinha

Time paulista é o que mais venceu a competição com nove títulos.
Gazeta Esportiva25/01/2015 às 15h33

O Campeão dos Campeões: neste domingo, aniversário de 461 anos da cidade de São Paulo, o Corinthians adicionou mais uma taça da Copa São Paulo de Juniores à sua galeria. O Timão derrotou o Botafogo-SP por 1 a 0 na grande decisão, realizada no Pacaembu, e conquistou o seu nono título do torneio de juniores – mantendo seu posto como a equipe que mais venceu a competição.

Abaixo do Alvinegro Paulista, estão o Fluminense, com cinco títulos, o Internacional, com quatro, e São Paulo, Santos e Atlético-MG com três, cada. O gol da vitória do Timãozinho foi marcado pelo meia Maycon, que contou com falha do goleiro Talles e fez a festa da fiel torcida no Pacaembu.

Mesmo com tributo ao Doutor, equipes se anulam na primeira etapa

Antes mesmo da bola rolar pela primeira vez, os 36.083 presentes do Pacaembu já foram tomados por um momento de emoção. Durante a execução do Hino Nacional, os 22 jogadores, perfilados, ergueram seus braços direitos em homenagem ao ex-jogador Sócrates, ídolo das duas equipes.

Após o apito inicial, o Corinthians tentou fazer valer seu favoritismo impondo pressão. A estratégia, entretanto, falhava no próprio nervosismo dos garotos. Aos cinco minutos, Yan fez uma bela jogada pela direita e cruzou rasteiro para a área, mas o chute de Gabriel Vasconcelos – artilheiro do Timão na Copinha com oito gols – foi bloqueado na mesma hora.

Na marca dos 15, Guilherme Arana derrubou Wesley na entrada da área, recebeu o amarelo e deu ao Botinha a chance abrir ao placar. O camisa 10 Alex assumiu a cobrança e, com categoria, acertou a trave esquerda de Caíque França, que já estava vencido no lance. No rebote, Tulio jogou por cima do gol.

Quando o relógio já marcava mais de 30 minutos, o Corinthians diminuiu sua intensidade, permitindo o crescimento do Botafogo-SP no jogo. Aos 44, finalmente o Timão voltou a levar perigo. Gabriel Vasconcelos avançou pela direita em velocidade e, no lançamento, encontrou Yan livre, de frente para o gol, mas o jogador tocou de primeira para fora, perdendo a chance de gol mais clara do time alvinegro nos 45 minutos iniciais.

Maycon decide, explode torcida e garante taça ao Corinthians

Em cinco minutos, o Corinthians levou mais perigo do que em toda a parte inicial do jogo. No primeiro lance, Yan avançou pela intermediária e arriscou o chute de fora da área, em direção ao ângulo direito do gol. Com igual categoria, o goleiro Talles fez a ponte para buscar a bola e espalmá-la para escanteio.

Três minutos depois, o artilheiro Gabriel Vasconcelos aproveitou bobeada da zaga do Botinha e se viu livre, frente a frente com o arqueiro botafoguense, mas o atacante exagerou na força ao tentar por cobertura, tocando por cima do gol.

O time de Ribeirão Preto, entretanto, não se intimidou: na sequência, em cobrança de escanteio, a bola bateu e rebateu na pequena área e parou em cima da linha do gol, caprichosamente esperando por um atacante tricolor para empurrar para a rede, mas quem apareceu foi Maycon, que afastou – devolvendo a respiração à torcida alvinegra.

Respiração que, aos 21 minutos, finalmente se transformou em festa e euforia. Chamando a responsabilidade, Maycon fez boa jogada pelo meio e arriscou o chute de fora da área. A bola foi fraca e a defesa parecia fácil, mas o goleiro Talles falhou e aceitou o gol corintiano no Pacaembu, que viu a fiel explodir nas arquibancadas.

Após o gol – e a falha do arqueiro que fazia bela campanha na competição –, o Botinha passou a demonstrar abatimento e nervosismo, errando passes simples e dando ao Timãozinho o poder de controlar o jogo. Satisfeito com o placar conquistado, o Corinthians cozinhou a vitória e comemorou seu nono título da Copa São Paulo de Juniores. Mais do que nunca, o Campeão dos Campeões.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.